Terça, 16 de Abril de 2024
Follow Us

Sexta, 29 Dezembro 2023 10:49

PGR recuperou em 2023 activos financeiros avaliados em 2 mil milhões de dólares

No quadro das acções de prevenção e combate à criminalidade, com realce para os crimes de peculato, branqueamento de capitais, face repressão à corrupção, Angola recuperou no presente ano activos no valor de mais de 2 mil milhões de dólares.

Esta informação foi prestada ontem, Quinta-feira, 28, pelo procurador- geral da República, no acto de cumprimentos de fim de ano realizado em Luanda, tendo reafirmado que aquele órgão, à semelhança dos anos anteriores, manteve a actividade do Ministério Público funcional.

Hélder Pitta Grós fez saber que essas acções de prevenção e combate cerrado à criminalidade, com realce para os crimes de peculato, branqueamento de capitais e outros a ele conexos, permitiu a recuperação de activos financeiros e não financeiros no valor de cerca de 2 mil milhões de dólares.

Ainda em relação aquela tipologia de crimes, a Procuradoria-Geral da República trabalhou em 530 processos crimes e em 653 processos de inquéritos, numa altura em que a instituição admitiu no quadro do pessoal 17 novos magistrados do Ministério Público, passando a ter um total de 634.

Com quadro de pessoal ainda insuficiente, o magistrado informou que terminaram a formação teórica/prática 183 auditores, que aguardam a tomada de posse como magistrados do Ministério Púbico, ao passo que, 342 novos técnicos de justiça de diferentes categorias foram admitidos no presente ano, passando contar com dois mil 92 funcionários entre técnicos e funcionários do regime geral.

“Apesar dos concursos de ingressos realizados, o actual quadro de pessoal dos Magistrados do Ministério Público e dos Técnicos de Justiça ainda se mostra insuficiente face à demanda laboral, com realce para o processual, nos serviços do Ministério Público junto da instrução preparatória e dos tribunais de primeira instância”, lamentou. OPAIS

Rate this item
(0 votes)