Domingo, 21 de Abril de 2024
Follow Us

Sexta, 03 Novembro 2023 17:42

Terminal de carga do Aeroporto Dr. António Agostinho Neto tem um edifício para cargas especiais

Ultimam-se os preparativos para a inauguração do novo Aeroporto Internacional de Luanda – Dr. António Agostinho Neto. O corte da fita vai acontecer na sexta-feira, 10 de novembro.

Numa primeira fase, o novo Aeroporto vai começar a operar com o terminal de carga, uma infra-estrutura com vários serviços associados.

José Paulo Nóbrega, Coordenador do Gabinete Operacional do Aeroporto Internacional de Luanda, diz que o terminal de carga terá a capacidade para receber 130 mil toneladas/ano, e poderá chegar às mais de 400 mil se forem feitos mais investimentos.

José Paulo Nóbrega diz ainda que, o terminal de carga do Aeroporto Dr. António Agostinho Neto, tem bancos, tem também duas unidades onde se pode levantar os corpos das pessoas quando falecem no exterior ou no interior e tanto de vir digamos, fundamentalmente, entrada doméstica, saída internacional, entrada internacional. Aqui temos também um edifício para cargas especiais. Os aviões encostam, descarregam para aqui diretamente e temos aqui todas estas instalações para as pessoas estarem à espera e é menos confuso do que aquilo que é o aeroporto quarto de fevereiro.

Governo assegura mobilidade ao novo aeroporto internacional

O Instituto Nacional de Estradas (INEA) assegurou, estarem criadas as condições para a mobilidade dos acessos ao novo Aeroporto Internacional de Luanda "Dr António Agostinho Neto", cuja inauguração está marcada para 10 de Novembro.

De acordo com a directora provincial do INEA, Rosária Kiala, o Executivo trabalha na melhoria da mobilidade através da reabilitação da Avenida Deolinda Rodrigues, da Via Expressa, sentido Cabo Lombo, até a ponte do 25.

Entre as benfeitorias está a melhoria do tapete alfáltico, sinalização vertical e horizontal, construção de paragens para transportes públicos, reabilitação e construção de novas pedonais.

Em declarações à imprensa, no final de uma visita guiada às várias infra-estruturas impulsionadas pela construção do Novo Aeroporto Internacional de Luanda, Rosa Kila disse estão ainda a ser reabilitadas, nesta primeira fase, as avenidas Kima Kienda (Boavista) no distrito urbano da Ingombota, município de Luanda, a 21 de Janeiro, a Pedro de Castro Van-Dúnem Loy, as vias do Patriota e do Futungo.

Após a conclusão das obras, adiantou, a via Expressa terá três faixas de rodagem (actualmente tem duas), sendo que a parte central estará reservada para a construção do metro de superfície.

"Já temos muito trabalho feito, quem passa, por exemplo, pela Deolinda Rodrigues, consegue notar um antes e depois", expressou.

Rosa Kiala fez saber que os trabalhos na Avenida Rodrigues estão com uma execução de 95 por cento, faltando apenas a colocação das novas pedonais, num total de sete.

Na Avenida Fidel Castro, segundo a fonte, serão também erguidas oito novas pedonais e, em outras artérias de Luanda, estão previstas a reabilitação de mais de 20 pedonais.

Entre as pedonais a reabilitar, Rosa Kiala destacou a do Viaduto do Zango e do Alimenta Angola, em Viana, bem como a pedonal da zona do antigo controlo do Benfica.

Em relação a ponte do 25, adiantou que as obras estão a 98 por cento de execução.

Nesse local foi erguido um viaduto com 70,80 m de extensão, duas faixas de rodagem de 3,5 m de largura em cada lado, berma de 1,40 m de largura em cada sentido.

Foi também feito um nó de ligação directo à EN 230 sentido Catete-Viana, rampas 1,2 e 3 com 525 m de extensão, 812 e 384 m de extensão, respectivamente, um loop com 237 m de extensão, bem como uma rua de cruzamento com 1108 m de extensão

Rate this item
(1 Vote)