Sábado, 18 de Mai de 2024
Follow Us

Sábado, 28 Janeiro 2023 15:56

A intolerância ficou escancarada com a internet livre

Pode parecer brincadeira, mas não é! Com a criação das redes sociais que foi inventada, criada ou idealizada para unir e agregar grupos em torno de um bem comum: “criar novas amizades e interagir em grupos sociais”, isso foi se perdendo com o passar dos dias.

As desavenças e o semitismo começam com opiniões contrárias ou pensamentos opostos a quem se posicionou sobre um fato ou algo ocorrido em determinado lugar. Quem leu aquilo, mesmo não sendo amigo ou pessoa íntima e decide emitir suas razões de desconsiderar ou não reconhecer aquilo na outra pessoa, posta o seu pensamento. Assim, vem outra pessoa e rebate, um retruca, outro faz a réplica, tréplica e começam desavenças, discursos de ódio e preconceitos contra pessoas, pensamentos, modo de agir e tantos outros termos que possam aparecer.

Aquela história passada de “meu direito começa onde o seu termina” não existe mais. As redes sociais se tornaram terra de ninguém, sem leis, sem regras, sem controle. É um carro sem freio ladeira abaixo.

Com isso vem a desinformação, as notícias inventadas, a falta de checagem sobre o fato (antes cabiam aos jornalistas), a disseminação de “fakes news”, enfim, discurso de ódio, teorias de conspirações e outras baboseiras que em larga escala podem até parecer verdadeiras. Mas, não são!

O ódio antissemita está se propagando em larga escala e, em curto espaço de tempo, se tornará pior ainda.

Infelizmente é possível encontrar pessoas pretas (negras) apoiando os pensamentos nazistas. Isso mesmo! Pasmem com um pensamento destes e, quando indagado pessoalmente, alguns dizem que não sabiam o que eram, mas que todos em sua volta comungavam do pensamento e esta incorporou. Pior, alguns ainda chegam a tatuar suásticas em suas peles. Marcados para sempre contra um pensamento retrógrado da raça perfeita, Branca, Poderosa e Intelectualmente superior.

Sabemos, hoje em dia, que a superioridade está em aceitar o próximo, suas diferenças e seus pensamentos, mesmo contrários aos nossos. Sócrates já dizia que ninguém tem a verdade absoluta e que todos têm razão, dentro de suas concepções.

E nós, como agiremos ao lermos algo que não concordamos? Agrediremos o próximo para que aceite nossa ideia ou conviveremos, lado a lado, mesmo pensando de forma diferente?

Enquanto houver rede social patrocinada por cúmplices de políticas ideológicas, teremos nações sendo dizimadas, minorias vilipendiadas em seus direitos, menosprezadas e subjugadas.

Aceitar o próximo nunca foi tão difícil no mundo.

Gregório José

Jornalista/Radialista/Filósofo
Pós Graduado em Gestão Escolar
Pós Graduado em Ciências Políticas
Pós Graduado em Mediação e Conciliação
MBA em Gestão Pública

Rate this item
(0 votes)