Angola 24 Horas - Opinião
Menu
RSS

Polícia Portuguesa: ressuscitou o fantasma do racismo contra angolanos indefesos do bairro da Jamaica em Lisboa

A persistência do racismo nas sociedades europeias exige o compromisso do reflexo sobre o legado da nossa história para compreender o que deste passado perdurou no mundo de hoje. O termo racismo terá sido introduzido por Drumont em 1897, para justificar a doutrina segundo a qual, procura – se fundamentar os preconceitos raciais estabelecidos numa hierarquia política, cultural e moral, entre grupos humanos biologicamente definidos.

Por João H.R. Hungulo

Read more...

Valores morais: enterrados no túmulo do esquecimento — há crise de valores na família angolana

Em Mon oncle d”Amérique, de Alain Resnais (1980), o cientista Henri Laborit compara seres humanos em crise a ratos agredindo – se em laboratório. Lembramo – nos deste cenário ao ver na Internet a multidão mal-educada que se apressa em verter o peso do seu veneno pelo verbo fácil, à colocar inferior à todos com termos nauseabundos e abjectos. Para quem não quer buscar a memória, sem os grandes sacrifícios do passado, Angola estaria no topo do icebergue, um zero à esquerda da vírgula, engolida por todas as catástrofes que por cá passaram no seu passado, onde. Os homens do passado moveram – se à sacrifícios pesados, de elevado custo, tendo resgatado uma nação dividida entre os interesses da guerra civil, da guerra fria e da miséria que se espalhava à dimensão de sua geografia como uma serpente venenosa pronta à devorá – la.

Read more...

José Eduardo dos Santos: O Patriota

O Patriota, foi à vários títulos, um homem que se projectou para a defesa dos interesses nacionais, desde a primeira República que se livrou de um grande regime colonial português e de uma Angola culturalmente ancilosada pela ditadura colonial de uma vontade Europeia, de além-mundo. O Patriota representou, por isso, um desejo de cortes com tradições de ditaduras que resultavam de um regime de colonização, e depois de um curso continuado de guerras viciosas imputadas pela UNITA, pelo Apartheid e pelos USA que queriam tomar à força sob suas vontades peculiares Angola a nossa terra – mãe.

Read more...
Subscribe to this RSS feed

Recomendamos