Segunda, 06 de Julho de 2020
Follow Us

Domingo, 28 Junho 2020 19:47

Arte de João Lourenço ignorar denúncias contra seus mais próximos

Está reduzir-lhe numa espécie de Cazumbi perdido na escuridão. Quem como ele, que mesmo sem ser forçado nem lhe terem apontado uma pistola á cabeça para desencadear um combate.

Contra a corrupção em Angola, foi iniciativa de sua livre vontade mesmo que grande parte dos angolanos sempre questionaram a sua seriedade. Quem fez campanha como ele fez tendo como bandeira da ética e o combate à corrupção sem tréguas.

Não deveria em tão pouco tempo ficar assim tão reduzido simplesmente numa espécie de cazumbi perdido na escuridão. Deveria ter criado um departamento com gente que não cheira á corrupto. De mãos e consciência limpa embora seja uma raridade ainda existem em Angola para se ocupar desta questão afincadamente.

Um departamento que entre outras atividades se ocuparia também da recolha permanente de denúncias. Feitas nas redes sociais uma vez que grande parte das pessoas hoje terem este espaço como o mais eficaz, seguro e que lhes inspira mais confiança. Um departamento que não olhasse para os jornais privados como os desobedientes e os estatais como os obedientes, pois assim não estaria á fazer nada.

Ele mesmo tinha que ser capaz de acionar todos os mecanismos o mais rápido possível para se averiguar até que ponto esta ou aquela denúncia corresponde ou não os factos relatados. Agora assim, com este comportamento de se ignorar quase que cúmplice e solenemente denúncias feitas muitas vezes até publicamente nas redes sociais contra pessoas próximas a si.

Tipo os Kwatas Kanawas, os Manicos, os Archer Mangueiras, os Kapapinhas e outros tantos, vezes sem conta seus usos, abusos e má conduta citados. Quase já mesmo em estilo de refrão de música do momento obrigatória nos táxis, nas casas do kimbombo, universidades e em todas as conversas sobre gestão do país.

Enquanto João Lourenço não ouvir os apelos das redes sociais e da imprensa privada mesmo que já pintada de antemão como inimiga por eles. Vai ser muito difícil ele sair do mesmo entulho em que se encontra com o regime sob sua gestão.

Por Fernando Vumby

Rate this item
(6 votes)

Log in or Sign up