Segunda, 15 de Julho de 2024
Follow Us

Sexta, 26 Mai 2023 17:41

Docentes universitários angolanos retomaram aulas por mais 30 dias

Os professores do ensino superior angolano retomaram hoje as aulas, uma decisão unilateral, saída da assembleia-geral de trabalhadores, apesar do silêncio da entidade empregadora, disse à Lusa fonte sindical.

Segundo o secretário-geral do Sindicato dos Professores do Ensino Superior (Sinpes), Eduardo Peres Alberto, as aulas foram retomadas, interpolando a greve por 30 dias, até 27 de junho, em conformidade com a deliberação da assembleia-geral realizada no dia 05 deste mês.

“É uma deliberação que resulta de debates profundos e a classe docente decidiu dar mais uma vez prova da sua responsabilidade social e também da boa vontade neste caso e, sobretudo, não prejudicar o ano académico”, disse Eduardo Peres Alberto, em declarações à Lusa.

O sindicalista frisou que é uma decisão unilateral, realçando que “até aqui o Governo continua em silêncio”.

“Se o Governo não negociar, dia 27 de junho retoma-se a greve”, sublinhou o secretário-geral do Sinpes.

Os professores do ensino superior público angolano estão em greve desde fevereiro deste ano, sem chegar a acordo com o Governo, na resolução de um caderno reivindicativo de oito pontos, que visa essencialmente a melhoria do ensino superior público em Angola, exigindo fundos para a investigação científica, formação contínua dos docentes, salários condignos, entre outros.

Rate this item
(1 Vote)