Quarta, 20 de Outubro de 2021
Follow Us

Quarta, 13 Outubro 2021 12:17

Enchentes nos postos de vacinação pode forçar alargamento do prazo de apresentação de certificados

O Executivo angolano, pondera alargar o prazo da apresentação do certificado de vacinação para acesso a locais públicos, uma medida que tem como previsão de entrada em vigor, no próximo dia 15 de Outubro corrente.

Segundo o ministro de Estado e Chefe da Casa de Segurança do Presidente da República, General Francisco Furtado, igualmente coordenador da Comissão multissetorial de combate à covid-19, o Executivo está a estudar a probabilidade de se alargar o prazo das pessoas não vacinadas terem acesso a locais públicos.

Francisco Furtado disse que o prazo ora estabelecido, não significa uma imposição directa da Comissão ou do Executivo, ao passo que, se o processo estiver a andar neste ritmo e, de facto, continuar a ter os mesmos constrangimentos, em que a fluidez seja maior do que a capacidade de respostas, pode se dilatar este prazo.

"Correm estudos para a abertura de novos postos de vacinação na capital com vista a reduzir as enchentes nos postos", conforme Francisco Furtado.

Relativamente à casos prioritários, o general Furtado apelou ao risco, tendo revelado casos de desaparecimento de crianças, pelo facto de algumas mães entregarem - nas a outras pessoas para terem processo facilitado.

Finalmente, o ministro de Estado e também coordenador da Comissão Multissetorial, desencorajou as mães que levam seus filhos aos postos com objectivo de entregarem a outros cidadãos a troco de dinheiro para não cumprirem as longas filas.

Rate this item
(0 votes)

Log in or Sign up