Quinta, 09 de Dezembro de 2021
Follow Us

Segunda, 11 Outubro 2021 15:22

Pinto de Andrade apela UNITA ao respeito pelo TC e considera jogo baixo acusações contra o MPLA

O Secretário para os Assuntos Políticos e Eleitorais do MPLA, Mário Pinto de Andrade, considera de extrema irresponsabilidade as supostas insinuações da UNITA, implicando o seu partido, na decisão do Tribunal Constitucional que anulou, em Acórdão, o Congresso Ordinário do partido.

Mário Pinto de Andrade, defendeu que, o Tribunal Constitucional é um órgão de soberania, por isso, todos devem respeitar as suas decisões.

Por outra, o político considerou jogo baixo, a figura que a UNITA está a cozinhar de que está a ser vítima do partido dos Camaradas.

Nestes termos, o secretário do MPLA para os assuntos eleitorais, desafiou o maior partido da oposição angolana e Adalberto Costa Júnior, no sentido de desmentirem os argumentos apresentados pelos requerentes que propuseram a impugnação do Congresso.

"O senhor Adalberto Costa Júnior e a própria UNITA têm que olhar que eles é que criaram um problema a eles próprios. E, portanto a UNITA não pode evocar dos seus erros de que há uma mão visível ou invisível ou que há ordens superiores. Não ", conforme Mário Pinto de Andrade.

É igualmente de opinião que a UNITA, de uma vez para sempre, respeite a instituição que é o Tribunal Constitucional, pois será esta mesma instituição que vai validar as eleições de 2022.

Assim, concluiu que este órgão de soberania precisa de ser respeitado pelos dirigentes da UNITA e de qualquer outro partido político, incluindo o MPLA. "têm que respeitar as decisões do Tribunal Constitucional".

Rate this item
(1 Vote)

Log in or Sign up