Quarta, 23 de Junho de 2021
Follow Us

Sexta, 23 Abril 2021 23:03

Angola quer negociar acordos aéreos com mais sete países, incluindo Reino Unido e Itália

Angola já rubricou 47 acordos bilaterais de serviços aéreos e encetou recentemente contactos para negociações com mais sete países, incluindo Reino Unido e Itália, estando também a apreciar propostas do Gana e da Etiópia.

Segundo informações disponibilizadas à Lusa pelo Inavic/ANAC (Instituto Nacional da Aviação Civil/Autoridade Nacional de Aviação Civil), estão registados 47 acordos bilaterais de serviços aéreos, dos quais 31 assinados pelos Estados e 16 rubricados pelas autoridades aeronáuticas.

O mais recente acordo foi assinado esta semana no Dubai, pelo ministro dos Transportes, Ricardo Abreu, que vai permitir que a Etihad e a TAAG, companhias de bandeira dos Emirados Árabes Unidos (EAU) e de Angola possam fazer as ligações aéreas entre as duas capitais, Abu Dhabi e Luanda.

Foram ainda encetados pelo Inavic “contactos por correspondência para a negociação de acordos bilaterais” com outras “autoridades aeronáuticas”: Itália, Argentina, Kuwait, Ilhas Seychelles, Ilhas Maurícias, Reino Unido e Cuba.

As autoridades angolanas adiantam que estão também a apreciar propostas da Etiópia e do Gana no mesmo âmbito.

Segundo declarou, na altura, à imprensa, Ricardo Abreu, a abordagem no setor da aviação civil vai além do que é o transporte aéreo de passageiros e carga: “Temos estado a abordar o tema institucional e regulamentar, mas também o tema das infraestruturas e navegação aérea e controle de tráfego”, um conjunto de matérias que estão enquadradas no acordo celebrado na quarta-feira com os EAU.

Rate this item
(0 votes)

Log in or Sign up