Sexta, 30 de Setembro de 2022
Follow Us

Domingo, 04 Mai 2014 11:52

Fundo Soberano do regime de José Eduardo dos Santos investe em hotéis de luz em países árabes

Uma fonte que esta por dentro do dinheiro de todos nós, disse que Aguinaldo Jaime e o filho do Presidente José Eduardo dos Santos, o Patrão do nosso dinheiros, vindo das riquezas de todo o povo, pois é dinheiro de todos, porque Deus não disse que esse dinheiro era de um grupo de pessoas indicadas, o Sr ZENÚ, estão a investir em Hotéis de Luz em países do mundo Árabe e não só.

Esse dinheiro prove das receitas de Petróleo de Cabinda e Zaire, dos diamantes da Lunda e de outras riquezas que o território possui no geral, de Cabinda ao Cunene e de Luanda até a leste; Lunda, Moxico e Kuando Kubango.

Como é que o Fundo Soberano de ZENÚ, investe tanto dinheiro no estrangeiro, esquecendo a máxima de “Um só povo e uma só nação”?

Todos queremos nos orgulhar com uma casa condigna, luz, água potável, saúde, educação para os mais pequeninos, segurança alimentar, e, uma situação económica social para todos em especial para a Juventude que espera de um bom emprego para sustentar a família.

José Eduardo dos Santos, por favor tenha compaixão dos milhões de Angolanos que vivem na miséria com menos de um dólares ou mesmo nada por dia, tenha compaixão do povo de Cunene, da miséria da Lunda Tchokwe, já basta com tantos milhões que estas a oferecer aos Chineses que é uma das potências económicas mundiais. A compaixão que tem para com os Portugueses, faça-os primeiro aos desgraçados de nós e depois vai gastar onde quiseres.

Porque dar empregos para aqueles que já tem?..

O fundo soberano de ZENÚ DOS SANTOS, de acordo com a fonte, já esta a investir milhões em Portugal, na Grã-Bretanha, Arábia Saudita, em HONG KONG, na China, nos Estados Unidos, Brasil e em alguns países Africanos de referência sobretudo no campo do turismo e da imobiliária.

 Este comportamento de José Eduardo dos Santos, cria pulga na orelha, é preocupante, será que pensa fugir de Angola e precisa criar condições em outras partes do Mundo?!..

Qual é o comportamento e a intervenção da Assembleia Nacional neste tipo de acções do Fundo Soberano de ZENÚ DOS SANTOS, o filho do Presidente José Eduardo dos Santos, o chefe dos camaradas?..

E o povo que dizem ser o dono do poder democrático, é o povo que confere o direito a quem os quer governar por meio do voto, esse não precisa de explicações em como os poderes executivo Gastão o nosso dinheiro?..

O orçamento geral aprovado na Assembleia Nacional, 85% do mesmo fica em Luanda, 65 % dos 85% fica com a Presidência da Republica e os Serviços Secretos, que é usado para a compra do silêncio internacional no que é chamado lavagem da imagem do senhor Ditador Angolano. E, o orçamento de 2014 é de 7,1 trilhões de Kwanzas (…)

Angola não precisa de lavar a imagem, usando-se tantos milhões de dólares necessários ao desenvolvimento e ao combate a pobreza extrema dos Angolanos no geral, quem precisa lavar a sua imagem é o senhor Presidente José Eduardo dos Santos, mas com o seu próprio dinheiro, não com erário público.

Joaquim Chissano, Kenneht Kaunda, Sam Nujoma, falecido Nelson Mandela entre outros, é orgulho de uma Africa Intelectual e honesta e democrática, deixaram o poder sem problemas, os seus países em pleno século XXI continuam avançando rumo a estabilidade económica, as alternâncias em nada prejudicaram esses países relativamente a continuidade.

 Se o MPLA tem mais de 75% de militante em um universo de mais de 18 milhões de habitantes como propala, seguramente existirá muita boa gente para alternar o poder absoluto visionário do escolhido de Deus segundo a Igreja Angolana quanto se manifestou um dia destes a favor do ditador.

 O ANC, demonstrou que no seio dos seus militantes existe muita boa gente para Governar Africa do Sul, não era Nelson Mandela o único e o omnipotente; o ANC ainda não perdeu naquele país, continua a surpreender o Mundo em pouco menos de 30 anos do fim do Apartheid.

 A SWAPO ainda não perdeu na Namíbia, mas já efectuou alternância ao poder, o mesmo dizer para a FRELIMO em Moçambique, onde acreditamos que, a mesma formação política vai ganhar as próximas eleições em Moçambique porque parte como a favorita.

 Próximo de Angola a Zâmbia é outro país que já efectuou alternâncias do poder entre a UNIP e MMD, a Zâmbia contínua de pé e firme!..

 José Eduardo dos Santos, tem medo de deixar o poder em Angola por causa dos compromissos maquiavélicos que assumiu com muitos mafiosos no ocidente e na Rússia, porque, se ele ama de verdade este país do fundo do seu coração, devia é sacrificar a vida dele e deixar em paz o povo, seus feitos seriam honrados para sempre….do que continuar a esbanjar milhões e milhões de dólares para criar o bem-estar em países onde não existe miséria como em Angola.

 Um Hotel de luz construído em Londres, em Nova York ou em Hong Kong pela elite Angolana, é sempre um património daqueles países, nunca o contrario, só um cego, duro de coração pode pensar o contrário, se um Americano construir uma aranha céu de 1000 pisos em Luanda, esse será o orgulho de Angola, não de América.

É possível que investir no estrangeiro traga mais-valia para Angola, essa mais valia trará benefício aos angolanos? Se ao investir não há transparência, tudo é no secretismo, haverá transparência nos benefícios?

 Esta é a questão…

MPLT

Rate this item
(0 votes)