Segunda, 26 de Outubro de 2020
Follow Us

Segunda, 28 Outubro 2013 11:38

Governo Português recorre a Durão Barroso para amaciar Luanda

Written by

O antigo primeiro-ministro e actual presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, é uma peça-chave para ajudar a resolver o mal-estar que Portugal vive com Angola, refere hoje o semanário Expresso. Ainda sobre este caso, fonte do Governo adiantou ao jornal que, neste momento, a estratégia de São Bento passa por ganhar tempo e criar condições que permitam repor os níveis de confiança entre as cúpulas dos dois países.

O mal-estar em torno das relações diplomáticas entre Portugal e Angola continua a dar que falar. O semanário Expresso conta hoje que o primeiro-ministro Passos Coelho, e ao contrário do que afirmou durante a deslocação ao México, ainda não “trocou impressões” com o presidente angolano José Eduardo dos Santos.

Mas, segundo consta, a estratégia do Governo português mudou. Agora pretende-se deixar assentar a poeira, ganhar tempo e criar condições para repor os graus de confiança que até há algumas semanas existiam entre Lisboa e Luanda.

O gabinete de Passos “não faz comentários” sobre esta questão mas, avança o semanário Expresso, algumas personalidades com privilegiadas relações com Angola, como é o caso de Durão Barroso, presidente da Comissão Europeia, serão peças-chave no desbloqueio do mal-estar vigente neste momento.

Em silêncio e ausente tem estado o ministro dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete, que, recorde-se, contribuiu para este espoletar de crise com Luanda, com uma entrevista que concedeu ao Jornal de Angola.

 

LUSA

Rate this item
(0 votes)

Log in or Sign up