Terça, 03 de Agosto de 2021
Follow Us

Segunda, 14 Junho 2021 12:55

Ex-gestor do BPC detido por desvio de KZ 120 milhões

O ex-gestor de contas do Banco de Poupança e Crédito (BPC), na província do Uíge, acusado de desviar 120 milhões de Kwanzas, no período de 2017 até 2020, foi apresentado nesta segunda-feira, pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC) local.

De 41 anos de idade, o ex-bancário exerceu a função de gestor de contas nos diferentes balcões da província do Uíge, posição que lhe facilitou efectuar depósitos de valores avultados nas contas de clientes da sua rede de criminosos.

Depois de um trabalho do SIC local, que se deslocou à capital do país, onde se encontrava foragido, o cidadão foi detido pelo crime de uso e abuso de cartões multicaixa, contento valores ilícitos, para efectuar a transferência noutras contas.

Ao falar na apresentação dos supostos criminosos, o porta-voz do SIC no Uíge, Zacarias Fernando, explicou que, dos 16 cidadãos apreendidos nos últimos meses pelos mesmos crimes, sete pertencem à rede do ex-funcionário bancário.

Por outro lado, o SIC procedeu, igualmente, à apreensão do ex-chefe do Departamento de Finanças do Instituto Superior Politécnico Privado do Uíge (ISPPU) acusado de ter desviado, de 2018 a 2021, 40 milhões de Kwanzas.

Nesse acto, orientado pelo porta-voz do SIC no Uíge, Zacarias Fernando, foram, igualmente, apresentados 21 cidadãos nacionais detidos no período de 4 a 14 do corrente mês, supostamente envolvidos na prática de crimes diversos.

Na posse dos supostos criminosos foram apreendidos diversos meios como armas de fogo, uma viatura de marca Hyundai, televisores e 100 quilogramas de estupefacientes. Em função disso, os acusados foram já encaminhados para o Ministério Público para os devidos procedimentos legais.

 

Rate this item
(0 votes)

Log in or Sign up