Terça, 03 de Agosto de 2021
Follow Us

Segunda, 19 Julho 2021 14:53

Transformar TVs em palcos de crucificação da UNITA e ACJ é tudo menos inteligência - Sérgio Piçarra

O programa de "debate" da TV Zimbo é das coisas mais vergonhosas a que tenho assistido nos últimos anos. Como é que é possível fazer um programa de análise política com dois comentaristas em que um é militante do MPLA, e o outro se não o é igualmente, está muito longe de ser independente? Onde está o contraditório e a independência dos comentários?

Um debate para ser sério tem de ter contraditório: se tem um militante do MPLA como comentarista, tem de ter, obrigatoriamente, um militante da UNITA do outro lado da mesa.

Ou então, dois analistas independentes com reconhecidos posicionamentos contrários. É aqui, no contraditório, na discussão de ideias, que reside o interesse da peça jornalística e é isso que interessa ao público.

Se assim não for, o resultado tem um nome: propaganda barata e manipulação descarada. Se aberrações como estas já eram suficientemente graves no tempo de JES, hoje no tempo de Jlo são-no ainda mais. Porque foi ele, JLO, quem nos prometeu mais liberdade de imprensa e mudança de paradigma. E elevou as nossas esperanças.

É por estas e por outras que JLO, que tinha tudo para dar certo, com um nível de popularidade altíssimo, vê hoje tamanho capital político estatelar-se na lama. É que não será manipulando a imprensa que essa popularidade voltará. Pelo contrário.

Se continuarem a jogar sujo e a golpear por baixo, o resultado será exactamente oposto. Jogar limpo, sem batotas, com inteligência, custa assim tanto?? Transformar as televisões públicas em autênticos palcos de crucificação da UNITA e do seu líder é tudo menos inteligência.

Rate this item
(1 Vote)

Log in or Sign up