Quinta, 11 de Agosto de 2022
Follow Us

Sábado, 30 Julho 2022 13:33

Um discurso onde João Lourenço demonstra confusão mental

Perda de foco e de memória não é melhor se tratar? Dizer assim tanta coisa sem nexo, um discurso completamente confuso com sinais de perda de raciocínio como quem as vezes se esquece do que está falar.

Tipo está a navegar nas ondas do mar, sonhar ou a imaginar não é normal de alguém em estado perfeito de saúde. Por isso, julgo que mesmo até o MPLA deveria aconselhar o seu presidente. A submeter-se a um tratamento rigoroso já que ele por iniciativa própria nunca vai procurar um especialista para o curar se é que ainda tem cura.

Eu mesmo também como ser humano que sou como ele, lhe vendo como tal. Já começo a ficar preocupado com essa sua falta de foco porque deixa-me uma sensação de estar perante um vazio quando ele discursa, dado a tanta porcaria que sai da sua boca.

Para quem como se escreve por aí ser um jogador de Xadrez, um jogo de raciocínio admira-me, ele mesmo não dar conta de que sua mente está confusa. Falida e apodrecida completamente com tendências para piorar basta se juntar todos os seus discursos feitos até hoje nessa campanha eleitoral para se chegar a essa conclusão.

O pior no MPLA é que ele não é o único, quem já ouviu João Pinto e Bento Bento por exemplo discursar já deve ter dado conta disso. Aliás são comuns relatos de gente dentro do MPLA que padecem da mesma confusão mental, dificuldade de concentração, perda de memória a tal névoa cerebral.

Uma amiga me disse que desconfia consumirem todos da mesma droga, fica complicado se saber se é verdade ou não. Num país onde não existe sequer pesquisas científicas que traduzem essa realidade em números de quantos dentro do MPLA e não só, padecem dessa doença se assim se pode dizer.

Continuarei

Por Fernando Vumby

Rate this item
(1 Vote)