Terça, 24 de Novembro de 2020
Follow Us

Quarta, 18 Novembro 2020 16:28

Porque razão os assessores de João Lourenço sepultaram a reputação dele?

Quando eu vivi em Luanda, nos tempos lidos em que as pessoas se deslocavam ao Jumbo e de lá compravam o famoso vinho kissuco, que tinha a fama de matar gente em Angola eu teria visto um vizinho meu, que teria pago mais de 5 garrafões de kissuco, ao seu examinador na viação e trânsito, para que em troca lhe fizesse passar nos exames para obtenção da carta de condução.

Porém, no dia em que o meu vizinho se apresentou para os exames, o seu examinador durante o percurso habitual feito na rua, para avaliar a condução do requerente da carta de condução, o examinador brincou com o meu vizinho tendo lhe ordenado para que subisse ao passeio para atropelar alguém.

Meu vizinho pronta/imediatamente obedeceu às ordens do examinador, porém em lugar de atropelar alguém, chocou no murro, tendo quebrado todo para-choque do carro, logo foi imediatamente reprovado aí mesmo pelo examinador.

O actual presidente de Angola general João Lourenço (JLO) provavelmente estaria na situação do meu vizinho em virtude do seguinte:

Sempre e quando os assessores de JLO escutam que há manifestações por ai em Luanda, logo os dos Santistas presentes no gabinete do ditador Angolano, imediatamente aconselham JLO, a ordenar o seu cabo Eugénio Laborinho e este por sua vez, faz o mesmo ao Paulo de Almeida, ou ao Eduardo Cerqueira, para que estes reprimam os manifestantes pacíficos se possível matar gente com balas reais.

JLO, consciente ou inocentemente, ao aprovar esta repressão da sua polícia política, que tem resultado em mortos constantes de pessoas inocentes e desarmadas em Angola, que apenas rumam para as ruas Angolanas com vista a reclamar do seu suposto governo, o cachucho ou o carapau etc., que hoje está teimosamente a falta na mesa do lar Angolano.

Logo, em lugar de JLO negociar com a UNITA e com o resto da oposição e ou sociedade civil em Angola, o presidente de Angola ao insistir com a política de terra queimada, raptando, reprimindo e matando mais e mais gente em Angola JLO estaria exatamente a fazer o papel do meu ex-vizinho, lá da mutamba down Town Luanda, que um dia como hoje foi vergonhosamente reprovado no exame de condução.

Razão pela qual os assessores dos Santistas de JLO, que trabalham ali na Cidade Alta em Luanda, já sepultaram a reputação de JLO.

Como resultado, o ditador Angolano JLO, terá incomensuráveis dificuldades para ser apoiado pelos camaradas no congresso do MPLA, a realizar-se  em 2021, como seu futuro candidato para as eleições gerais a realizar em 2022, se o MPLA não quiser desaparecer tal como sucumbiu o movimento popular da revolução (MPR), do falecido Mobutu Sesseko do antigo Zaire, actual República Democrática do Congo.

Por isso, seja como for JLO, agora está tão queimado, particularmente junto da comunidade nacional e internacional incluindo EUA, etc., de sorte que já perdeu legitimidade para continuar a reclamar suposta luta contra corrupção, etc.

Se eu não tiver razão, eu lanço aqui um repto para os assessores de JLO, para que me demonstrem o contrário e eu lhes matarei uma prostituta que seja virgem.

Por Orlando Fonseca

Miami - Sul da Flórida / USA

Rate this item
(0 votes)

Log in or Sign up