Quinta, 09 de Dezembro de 2021
Follow Us

Sábado, 16 Outubro 2021 19:42

Pré-candidato à presidência do MPLA diz que é preciso realizar o homem angolano e afirma que JLo faz pouco

O Engenheiro Civil, António Venâncio, primeiro pré-candidato à liderança do partido no poder, MPLA, oficialmente conhecido, afirmou neste sábado, 16 de Outubro que, por esta altura, qualquer contributo que servisse para melhorar a situação do seu partido é bem-vindo.

As declarações foram feitas em entrevista, neste sábado, concedida à Rádio MFM, em cujo espaço, soube Angola24Horas, teceu igualmente inúmeras considerações relacionadas com a formalização, na última quarta-feira, 13 de Outubro, da sua candidatura à presidência do partido em que milita há 48 anos.

António Venâncio, assegurou que pretende dar um contributo para que o MPLA possa novamente reganhar o prestígio, pois o partido precisa de uma presidência que possa resgatar, tratando-se daquele MPLA que estava virado, mesmo com alguma utopia no meio, para a resolução do problema dos angolanos.

"É preciso realizar o homem angolano. E o MPLA pode liderar este processo. E não só o angolano militante do MPLA mas do modo geral. Há aqui espaços vastos que podemos ocupar e levar o MPLA para outros patamares", disse António Venâncio.

Quando questionado, por Graça Campos, se não vê tal vocação, no seu líder partidário, o Eng. António Venâncio disse que é pouco aquilo que João Lourenço está fazer, pois, o seu enquadramento no sistema político actual, lhe retira muitas forças e energias.

"O camarada João Lourenço, me parece que não deu conta disto. Está empenhado numa missão gigantesca, hercúlea, de tal ordem que não consegue dar o seu melhor no partido, no Estado, enquanto presidente da República. Está muito dividido. Devia fazer uma fuga para frente, de modos a dar ao povo angolano tudo aquilo que ele tem de energia, começando pelo partido", observou Eng. Venâncio.

Para António Venâncio, que não concorda com o actual sistema político, é preciso uma proposta alternativa para alterar tal sistema, no sentido de se ter mais abertura para os angolanos, com a finalidade de desenvolver o país.

"A palavra desenvolvimento aqui é chave. Nós ainda temos como palavra chave o poder. Mas não é", conforme o militante do MPLA.

Neste sentido, disse que é preciso infraestruturar o país, criar bases materiais técnicas, boas e seguras, para arrancar com o desenvolvimento do país.

"Acho que é esta visão que falta ser mais trabalhada a nível do partido. Eu posso dar este contributo. Aliás as minhas linhas de força, não posso abri-las agora aqui, têm como condão principal o desenvolvimento do país, a partir de infraestruturas diferentes, modernas para que todos angolanos possam usufruir das riquezas que têm e possamos todos viver felizes", garantiu.

De salientar que, António Venâncio, primeiro pré-candidato à liderança do MPLA, afirmou ainda durante a entrevista que, o seu partido tem muita coisa errada, mostrando-se assim disponível à possivelmente reverter este quadro, a partir da palavra de ordem dos camaradas "Corrigir o que está mal e melhorar o que está bem".

Assim, e por entender que não pode passar o resto da vida a criticar, porque os políticos não querem realizar, decidiu juntar-se à equipa dos políticos para, ao invés de continuar a criticar e dar soluções sem ser ouvido, fazer uma simbiose entre a política e as questões técnicas.

Quanto à disponibilidade, em caso de ser chamado a fazer parte do Executivo de João Lourenço se a sua candidatura não for tida em conta, António Venâncio disse que não pode falar sem ouvir seus conselheiros, embora ressalta que sempre manterá a sua fidelidade ao partido, como o faz há 48 anos.

Finalmente, disse que está na fase de recolha de assinaturas, nas demais províncias do país, num universo de duas mil assinaturas exigidas, contando já com uma equipa de assessores composta por 40 elementos, numa altura em que faz saber que, tem recebido inúmeros apoios dos militantes do MPLA, desde membros do Comité Central e de muitos outros cidadãos angolanos.

Rate this item
(0 votes)

Log in or Sign up