Quarta, 20 de Outubro de 2021
Follow Us

Quinta, 07 Outubro 2021 00:41

Planos do MPLA vão bater na barra porque a inteligência da UNITA lhes supera

Fazer política não é o mesmo como jogar batota como o MPLA acredita. Tudo está contra o MPLA e eles mesmos já se deram conta disto por isso vão provocar o máximo possível.

E criar até mesmo um clima de instabilidade tal, para ver se conseguem reprimir o povo que já lhe perdeu o respeito e medo faz tempo.

O povo já se deu conta que andou a respeitar quem não merece o seu respeito, nem a sua consideração e lhes ter medo. Vocês mesmos já viram como o povo hoje rasga e retira os cartazes de propaganda de criminosos que insistem em não largar o poder para continuarem a saquear as riquezas que são pertença únicas do povo.

Aqui agora se apela a inteligência da UNITA para não perder a cabeça e não fazer o jogo que o regime quer que ela faça. Para ter depois argumentos para matar mais gente, anular as eleições e assim se perpetuar no poder.

O MPLA já percebeu que desta vez se for necessário o povo vai mesmo colocar a sua vida em jogo. Para livrar o país das mãos de uma corja de criminosos estrangeiros são tomarenses, cabo-verdianos e angolanos ainda assim traidores da vontade e dos interesses do povo.

O povo já percebeu que a luta desta vez é contra ele, embora as provocações sejam mais direcionadas contra a UNITA. Por ser quem ele quer ver no poder, por isso vai serrar fileiras em torno daqueles que querem o seu bem.

O MPLA pode mesmo tirar o seu cavalinho da chuva que desta vez ou vai ou racha. Pois tudo só depende mesmo da vontade deste povo que está decidido a não vergar podem ter a certeza disto.

Os serviços e as lambeduras caninas de David Mendes e outros lambedores treinados estacionados no palácio da presidência não irão surtir efeitos positivos como vocês acreditam.

A vontade, resistência e determinação deste povo vai acabar por deixar por terra os vossos planos de provações, pois os angolanos já perceberam que fazer política não é o mesmo como jogar batota nem fazer as previsões do tempo.

Continuarei

Por Fernando Vumby

Rate this item
(1 Vote)

Log in or Sign up