Quinta, 23 de Mai de 2024
Follow Us

Terça, 12 Dezembro 2023 09:11

CIVICOP não encontra ossadas de Tito Chingunji e Wilson dos Santos por terem sido queimadas e trituradas

Uma fonte da Televisão Pública de Angola (TPA) que não quis ser identificada, em notícia publicada ontem, no espaço informativo Telejornal, revelou que as mortes de Pedro Ngueve Jonatão “Tito” Chingunji e Wilson dos Santos ocorreram em 1991 a mando do então líder da UNITA, Jonas Savimbi, e a queima das ossadas oito anos depois.

A revelação surge na sequência das recentes buscas efectuadas pela Comissão para a Implementação do Plano de Reconciliação em Memória das Vítimas dos Conflitos Políticos (CIVICOP), na localidade da Jamba, Cuando Cubango, no quadro do processo levado a cabo pelo Executivo sob o signo “abraçar e perdoar”.

De acordo com a fonte divulgada pela TPA, os dois dirigentes da UNITA mortos, os restos mortais de Tito Chinjgunji e Wilson dos Santos, por orientação expressa de Jonas Savimbi, depois do acto quatro dias foram inumados para se aferir de facto se estivessem mortos. Os corpos foram queimados e as ossadas trituradas para que não se pudesse ter qualquer vestígio dos cidadãos em causa.

Com esse cenário, embora tenha sido localizado o local da sepultura, a referida comissão vê-se incapaz de poder fazer a entrega das ossadas às respectivas famílias, com vista à realização de um funeral condigno dos seus membros por conta da situação ora descrita. OPAIS

Rate this item
(1 Vote)
Last modified on Terça, 12 Dezembro 2023 19:30