Domingo, 14 de Julho de 2024
Follow Us

Quarta, 10 Julho 2024 19:05

MPLA defende protecção de denunciantes da corrupção

Militantes do MPLA na província do Moxico defenderam, esta quarta-feira, no Luena, a implementação de mecanismos, com vista à protecção de quem denuncia actos de corrupção no país.

Essa posição foi apresentada durante um “Seminário sobre ética e integridade no serviço público”, que juntou quadros do partido e gestores públicos desta região.

No comunicado final deste encontro, orientado pelo primeiro secretário provincial desta formação política, Ernesto Muangala, os militantes sustentaram que há necessidade de se continuar a intensificar acções de prevenção contra a corrupção, promovendo uma cultura de denúncias deste fenómeno social.

Para sua eficiência, é necessário “a implementação de mecanismos de protecção dos denunciantes”, defendem.

Para a boa governação e eficiência na administração pública, lê-se na nota, deve-se continuar a incentivar a adopção de condutas exemplares no exercício de funções públicas, bem como elevar o nível de consciência da população sobre a importância da ética e integridade no serviço público para o desenvolvimento sustentável do país.

Na ocasião, o primeiro secretário do partido no Moxico, Ernesto Muangala, pediu o cumprimento das recomendações saídas no encontro, com intuito de se melhorar os problemas de atendimento na Administração Pública, lembrando que não cabe ao gestor público satisfazer as necessidades pessoais, mas garantir o interesse colectivo.

Recomendou a massificação dos temas debatidos nas estruturas municipais e de base, para a dinamização da Administração Pública.

Durante o “Seminário sobre ética e integridade no serviço público” foram debatidos vários temas, entre os quais, os fundamentos da ética e da integridade, como factores de geração de valores comportamentais, ética e integridade na formação e execução dos contratos públicos, principais instrumentos regulares e de controlo.

Rate this item
(0 votes)