Sexta, 27 de Novembro de 2020
Follow Us

Sexta, 31 Julho 2020 13:05

PGR oficializa entrega dos media de aliados de Eduardo dos Santos

É oficial. A televisão Zimbo, a rádio Mais e o jornal O País, do grupo Media Nova, propriedade dos generais "Dino" e "Kopelipa" e do ex-vice-presidente de Angola Manuel Vicente são agora do estado.

A Procuradoria Geral da República de Angola anunciou esta sexta-feira que a televisão Zimbo, a rádio Mais e o jornal O País, do grupo Media Nova, propriedade dos generais “Dino” e “Kopelipa” e do ex-vice-presidente de Angola Manuel Vicente, foram ontem, quinta-feira entregues ao estado angolano tal como o Observador noticiara que iria acontecer.

Em comunicado de imprensa, a PGR diz que o Serviço Nacional de Recuperação de Activos “promoveu a entrega das empresas privadas Media Nova S.A e Tv Zimbo Teledifusão S.A, que detêm os três órgãos de comunicação social “ao Ministério das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social em virtude de terem sido constituídos com o apoio e o reforço isntitucional do Estado”. Ou seja, com dinheiros públicos.

Esta ação insere-se no programa de luta contra a corrupção, que é uma bandeira do atual governo e toca no maior grupo de media privado de Angola, criado em 2008. Propriedade dos três homens fortes de então do ex-Presidente de Angola, José Eduardo dos Santos, a Media Nova surgiu quando “havia verbas do Estado para projetos que contribuíssem para a abertura dos media, mas de forma controlada”, avançou ao Observador fonte conhecedora do processo.

A Zimbo diferenciava-se, desde a sua fundação, por dar voz ao povo ( desde que não tocasse no Presidente da altura, acrescenta a mesma fonte) e a alguma oposição. Líder de audiências, a emissora tem servido como contraditório à TPA (Televisão Pública de Angola) no reinado de João Lourenço, atual Presidente da República. Observador

Rate this item
(1 Vote)

Log in or Sign up