Terça, 16 de Abril de 2024
Follow Us

Quarta, 22 Março 2023 17:17

UNITA enviou deputados a Moçambique para interceder por "Man Gena"

O Grupo Parlamentar da UNITA enviou esta terça-feira, 21, uma delegação de três deputados a Moçambique para visitar Gerson Eugénio Quintas, mais conhecido como "Man Gena", que em Janeiro usou as redes sociais para acusar altas patentes da Polícia Nacional e dos Serviços de Investigação Criminal de narcotráfico.

A delegação é composta pelos deputados Olívio Quilumbo, 4º vice-presidente do Grupo Parlamentar da UNITA, João Kanda Bernardo e Maria do Espírito Santo Monteiro, membros da Comissão de Direitos Humanos, Petições, Reclamações e Sugestões dos Cidadãos.

A visita, segundo uma nota da UNITA, "surge na sequência de contactos efectuados entre o Grupo Parlamentar da UNITA e entidades do Estado moçambicano e da sociedade civil, em favor da protecção política e jurídica do cidadão "Man Gena" e sua família, obrigados a buscar refúgio no país irmão do Índico e donde as autoridades angolanas os quiseram extraditar à força".

O Grupo Parlamentar da UNITA vai manter encontros com a representação das Nações Unidas para os Direitos Humanos, associações moçambicanas dos direitos humanos e demais organizações da sociedade civil local e com a comunidade angolana residente em Maputo.

Na agenda de trabalhos constam cumprimentos de cortesia ao embaixador de Angola em Moçambique, assim como uma visita à direcção-geral do Grupo Parlamentar da RENAO.

Eugénio Quintas "Man Gena" encontra-se sob custódia da polícia moçambicana depois de ter sofrido uma tentativa de raptado num centro comercial em Maputo.

"Man Gena" fez denúncias sobre o alegado envolvimento de altas figuras da Polícia Nacional e dos Serviços de Investigação Criminal no narcotráfico e fugiu depois para Moçambique, onde pretendia apresentar um pedido de asilo político e acabou preso numa esquadra com a família. NJ

Rate this item
(1 Vote)