Quinta, 01 de Dezembro de 2022
Follow Us

Segunda, 10 Janeiro 2022 14:55

UNITA em Luanda condena actos de vandalismo durante greve dos taxistas

O maior partido da oposição angolana em Luanda, UNITA, condenou veementemente os actos de vandalismo que tiveram lugar na cidade e Capital Luanda, na manhã desta segunda-feira,10 de janeiro.

De acordo com o comunicado de imprensa do Secretariado Provincial da UNITA, o este partido acredita energicamente que, o diálogo é a maior via para apaziguar os espíritos, os ânimos, que actos de vandalismo resultam sempre num saldo negativo, como a vandalização dos autocarros e outros bens públicos, quando os bens públicos merecem um tratamento exclusivo por pertencerem a todos como resultado do dinheiro público.

"Também aproveitamos para esclarecer que, a UNITA nada tem a ver com a os actos de vandalismo que tiveram lugar no comitê do MPLA no Benfica, lamentamos muito, e ouvimos com tristeza as acusações do seu secretário provincial em Luanda", lê-se no documento.

Na mesma ocasião, a UNITA em Luanda recomendou que o governo resolva os problemas do povo, dialogando com o mesmo sem mentiras.

"Se comuniquem com os sindicatos e resolvam as exigências dos cadernos reivindicativos", conforme ainda se pode ser.

Segundo ainda a UNITA, saber a fonte do problema e fingir demência não resulta e, continuar a esquivar os sinais e simular uma sequência de acontecimentos também não resulta.

Avança também a nota que acusar a UNITA, não é a solução para os problemas do país. Precisam se melhorar a esse nível.

A UNITA, apela finalmente aos cidadãos e cidadãs a tranquilidade e a serenidade, garantindo que vai dialogar e que não vai colocar em risco a segurança e a vida de outrem, pois isso não faz parte da cultura do povo angolano. "Temos fé que, os espaços de debates abrirão uma visão importante sobre o que realmente precisamos construir".

Rate this item
(1 Vote)