Quarta, 05 de Agosto de 2020
Follow Us

À DW Àfrica, Rafael Massanga Savimbi, filho do líder fundador da UNITA, diz que o seu pai deve ser recordado "como um cidadão patriota a serviço da pátria". Mas reconhece: é preciso assumir passivo.

Published in Politica

Jonas Savimbi queria ver N´Zau Puna, na altura secretário-geral da UNITA, assumir a autoria das mortes de Wilson dos Santos e Tito Tchingunji, então secretário-geral adjunto do partido e secretário para a informação, respectivamente, por “alta traição à UNITA” amando do ministro do Interior, Santana André Pitra “Petroff”, em 1991.

Published in Politica

O líder do Grupo Parlamentar da União Nacional para Independência Total de Angola (UNITA), Adalberto da Costa Júnior, avançou que o seu partido e o Governo já estão a criar condições para recuperar os restos mortais dos dirigentes do "Galo Negro" mortos em Luanda no massacre de 1992.

Published in Politica

O antigo dirigente da UNITA Jorge Alicerces Valentim criticou a actual direcção desta força política por não ter reconhecido a magnanimidade do antigo Presidente da República, José Eduardo dos Santos, por ter autorizado a exumação dos restos mortais de Jonas Savimbi, durante o funeral em Lopitanga

Published in Politica

Para Bonifácio Cassoma não há libertação sem sangue. Jonas Savimbi estudou na Igreja Evangélica Congregacionista de Angola no Bailundo, onde, segundo o pastor, aprendeu os valores do nacionalismo.

Published in Em Cima da Hora
Página 1 de 2

Log in or Sign up