Sexta, 07 de Outubro de 2022
Follow Us
Destaques

Destaques (77)

O período de imunidade do antigo vice-presidente de Angola terminou. Todavia, não é expectável que o processo enviado de Lisboa para Luanda em 2018 vá ter seguimento. Manuel Vicente está no Dubai e há dois anos que não visita Angola.

A consultora Eurasia considerou hoje que o resultado das eleições em Angola representa a maior derrota do MPLA nos últimos 50 anos, e que o Presidente vai aproveitar as reformas políticas para afastar alguns dos seus críticos internos.

O ex-primeiro ministro angolano Marcolino Moco considera que a “revolta” contra o regime angolano “anda na cara de muita gente” e se os homens “sensatos” do MPLA não pararem com o “golpe de Estado” não conseguirão travar a “população revoltada”.

O presidente da UNITA, oposição angolana, disse hoje que “o preço do poder não vale tudo, não vale o banho de sangue do povo”, em resposta aos que tencionavam ver a UNITA na rua para conquistar as instituições.

Os advogados do empresário angolano Carlos São Vicente disseram hoje que um tribunal suíço decretou a suspensão da cooperação com as autoridades judiciais angolanas, devido à falta de imparcialidade no processo judicial contra o seu cliente.

O Presidente da República, João Lourenço, nomeou, esta sexta-feira, 23, o Executivo, na sequência das eleições gerais de 24 de Agosto.

O Presidente da República, João Lourenço, nomeou, esta sexta-feira, 16, os governadores das 18 províncias do país, no quadro da nova governação 2022/2027.

O Presidente da República de Angola, João Lourenço, nomeou hoje o seu gabinete, tendo optado por manter como diretor Edeltrudes Gaspar da Costa, segundo um decreto presidencial hoje publicado.

O secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, felicitou hoje o Presidente angolano, João Lourenço, pela reeleição, comprometendo-se a reforçar a “relação vital” entre os dois países.

O secretário provincial da UNITA em Luanda, Nelito Ekuikui, acusou o partido no poder em Angola, MPLA, de estar a divulgar uma lista de “alvos a abater” e desafiou o regime a “matar mesmo” em vez de fazer ameaças.

Página 1 de 6