Quarta, 28 de Setembro de 2022
Follow Us
Destaque

Destaque (355)

O número dois das listas da União Nacional para a Independência Total de Angola, Abel Chivukuvuku, afirmou hoje que os dados provisórios recolhidos das eleições de quarta-feira apontam para uma vitória do partido.

A contagem de votos para as eleições gerais de Angola já começou nas assembleias de voto da capital angolana, maior praça política eleitoral do país, após o encerramento oficial do sufrágio às 17:00 locais.

Milhares de angolanos acorreram hoje às urnas para uma votação que muitos consideram decisiva, numa Luanda que pulsou ao ritmo tranquilo com que decorria o ato eleitoral, apesar da denúncia de irregularidades preocupar alguns eleitores.

A Comissão Nacional Eleitoral (CNE) de Angola rejeitou hoje a reclamação da União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA) contra a presença de elementos governamentais, ligados ao partido no poder, em mesas de voto.

Em entrevista exclusiva à CNN Portugal, Adalberto Costa Júnior garante que a UNITA vai conseguir chegar ao poder em Angola. João Lourenço, do MLPA e atual presidente angolano, declinou o convite para ser entrevistado

O comandante geral da polícia angolana disse hoje que as forças de segurança “estão aptas para responder a qualquer tentativa de subversão” durante as eleições de quarta-feira e exortou os cidadãos a “não permanecerem” nas assembleias após o voto.

O secretário provincial da UNITA, Nelito Ekuikui, lamentou hoje “a politização” da trasladação para Luanda do corpo do antigo presidente angolano José Eduardo dos Santos, que morreu dia 08 de julho em Barcelona e chegou “sem dignidade” à capital.

O corpo do ex-presidente angolano José Eduardo dos Santos chegou hoje a Luanda pelas 19:16, vindo de Barcelona num voo da companhia aérea angolana TAAG, após uma disputa entre duas fações da família sobre a guarda do corpo.

O corpo de José Eduardo dos Santos, ex-Presidente de Angola, chega este sábado à tarde ao país, avança o governo angolano. O voo em que seguem os restos mortais já saiu de Barcelona, em Espanha, e está a caminho de Luanda.

O porta-voz da Comissão Nacional Eleitoral (CNE) de Angola, Lucas Quilundo, afirmou hoje que o movimento “Votou, Sentou” é “imoral”, pode estimular atritos e fomenta a ociosidade.

Página 3 de 26