Quinta, 06 de Mai de 2021
Follow Us

Sábado, 03 Abril 2021 22:01

RNA em Luto: Morreu o jornalista Amaro Fonseca

Morreu, neste sábado, 03, em Luanda, vítima de doença, o jornalista da Rádio Nacional de Angola, Amaro Fonseca.

Numa mensagem, o ministro das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social, Manuel Homem, indica que "foi com profunda tristeza e dor que tomei conhecimento do passamento físico do Jornalista sénior da Rádio Nacional de Angola, Amaro Fonseca".

"A morte de Amaro Fonseca deixa um vazio à classe jornalística nacional que perde um valioso defensor das línguas angolanas, particularmente o Quimbundo, e que deu um grande contributo na formação da nova geração de profissionais da comunicação social”, lê-se na mensagem de Manuel Homem, sublinhando que, "enquanto jornalista, Amaro Fonseca, foi uma referência nas manhãs da Rádio Luanda, no programa Balumuka, transmitindo mensagens de esperança e construindo factores positivos entre os seus fiéis ouvintes”.

O ministro das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social considera Amaro Fonseca um profissional que deixa uma brilhante folha de serviço de mais de mais de duas décadas ao jornalismo angolano.

"Nesta hora de dor e luto, endereço em meu nome pessoal e do colectivo de trabalhadores do Ministério das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social, os mais sinceros pêsames à família enlutada e ao Conselho de Administração da Rádio Nacional de Angola”, lê-se na mensagem.

Na RNA, onde trabalhou durante décadas, o Conselho de Administração avança que Amaro Fonseca notabilizou-se no jornalismo radiofónico ao desmistificar a arte de informar, colocando um destaque maior às línguas nacionais, em particular a língua Kimbundo, num dos programas com maior audiência em Luanda, o programa Balumuka, da Rádio Luanda.

Amaro Fonseca nasceu em 1955, na localidade de Ambaca, província do Cuanza Norte. O profissional se encontrava internado numa clínica em Luanda.

Rate this item
(1 Vote)

Log in or Sign up