Quarta, 05 de Agosto de 2020
Follow Us

Sábado, 11 Julho 2020 17:42

Trabalhadores de Kundi Paihama sem salários há um ano

Os trabalhadores da Plurijogos, empresa responsável pelos Casinos de Angola, do antigo governador do Cunene e ex-deputado do MPLA, Kundi Paihama, continuam, alegadamente sem salários, avançam fontes próximas e colaboradores.

De acordo com as declarações, os cerca de mil trabalhadores, que deixaram de exercer as suas actividades em Maio último, por conta da situação pandêmica que o país vive, têm estado a negociar com a administração da empresa, no sentido de verem os seus ordenados pagos, embora haja ainda resistência por parte da entidade empregadora.

As mesmas fontes, deram a conhecer que a área administrativa comandada por Elizabeth Paihama, filha do general na reserva e proprietário, se comprometeu a pagar, numa primeira fase os 50% dos 8 meses de dívida, (menos 4 meses, devido ao estado de emergência, pelo facto de estas instituições não estarem a funcionar), porém não marcou a data do início dos pagamentos.

Durante o inquérito feito pelo Angola 24 Horas, ficou igualmente sabido que, está prevista uma reunião, ainda este mês, entre advogado, representantes dos trabalhadores, entidades do MAPTSS e a administraçao da empresa.

“Eles negaram elaborar uma acta em que consta a data da realização dos pagamentos que serão 50% e depois os outros 50%, porque alegam que não pagam meses que não se trabalhou”, denunciou um colaborador, acrescentando ter ouvido por alto que alguns estão a levar as cópias dos B.I e estão supostamente a receber os 50% de seus salários.
Refira-se que, os problemas começaram em julho de 2019, um mês depois de a actual PCA da empresa, Elizabeth Paihama, terá assumido o comando desta, tendo numa reunião com trabalhadores, avançado que a empresa estava a viver momentos difícies em termos financeiros, devido algumas dívidas com outros parceiros.

À data dos factos, o combinado era (ainda assim), cumprir com o pagamento dos salários de seus trabalhadores, algo que não terá acontecido até ao momento.

Por Armando Makengo

Rate this item
(1 Vote)

Log in or Sign up