Sexta, 10 de Abril de 2020
Follow Us

Quinta, 04 Setembro 2014 09:11

Governador da Huíla considera professores como seus Bois.

Depois de retomar as aulas no mês de Agosto, os professores esperavam não serem descontados no salário do mês de Julho, para supressa dos professores que se mantiveram firme até ao ultimo dia da greve, mais uma vez foram descontados 90% do seu salário e, ao mesmo tempo o governo faz sair um comunicado dizendo que por causa da greve que se verificou na província o ano lectivo vai ate dia 15 de Janeiro 2015, sem consultar os Professores.

É ai onde verifica-se que os professores são vistos como bois pelos governantes:

Tira-lhes do curral para o pasto quando quiser (paga-lhes quando e quanto quiser), Põem-lhes a charruar quando quiser (Muda calendário do Ano lectivo quando e como quiser), chicoteia-os quando e como quiser (chamou-os de todo tipo de nomes) e os professores nada fazem nada dizem. Porquê?

Muitos professores são escravos do século XXI, como dizem “libertaram seu corpo e dominam sua consciência”, e o principal instrumento desta dominação é a péssima qualidade de ensino que lhes dão, não se aceita que um licenciado quando reivindica os seus direitos são ameaçado de ser expulso do aparelho de Estado ele rende-se e quando são ameaçados de descontar o pouco de subsidio que recebem, humilham-se como uma noiva apanhada a trair o seu noivo no dia do casamento, tudo porque sabem que durante os tantos anos de estudo, não receberam qualidade para conseguir um outro emprego para alem da educação onde quando mais fracos forem os professores melhores para os governantes porque ajuda-os a dominar a consciência do cidadão.

È caso para dizer que o MPLA começa a colher os feitos da má qualidade de educação que atribuem aos cidadãos e para o desespero dos cidadãos começaram pelos professores sobre tudo da província da Huíla. O meu irmão não para de zombar comigo, diz constantemente “se vocês que são professores são dominados assim, e nós que recebemos educação de vós?” Eu respondo com uma voz no fundo que se pensas assim é porque és melhor que muitos professores, e que só o são porque tem uma idade superior a tua que lhes permitiu ter um diploma que lhes habilita a ser, tenho sublinhado Diploma e não conhecimento, sabedoria ou uma outra coisa que vale para o desenvolvimento do país.

 Fazendo uma observação verifica-se que estes tipos de Licenciados professores sobre tudo da Huíla, têm como Única fonte de informação a Radio Nacional de Angola, a Rádio 2000 afecta ao MPLA na Huíla, e a TPA, mesmo com a facilidade que existe de diversificar as fontes de informação a partir das redes sociais e, como consequência, limitam-se a refletir com base no pensamento Autoritário e agressivo dos governantes.

Mas será que é tudo culpa dos governantes? O homem vitorioso é aquele que na tamanha culpa de outrem vê a sua como solução do problema.

Professores vamos ajudar a libertar estes colegas fazendo-lhes perceber que estão a ser escravizados. Para tal, como eles não fazem uso das novas tecnologias sobre tudo das Redes Sociais, vamos mesmo ter que falar com eles pessoalmente sem receio de ser queixado ao Chefe.

“Libertei 1000 escravos. Podia ter libertado outros 1000 se eles soubessem que  eram escravos” (Harriet Tubman).

Paulo António

Rate this item
(0 votes)

Log in or Sign up