Quinta, 19 de Setembro de 2019
Follow Us

Sexta, 06 Setembro 2019 18:48

Qatar Airways inaugura voo direto para Luanda este ano

A Qatar Airways começa a voar para Luanda ainda este ano, numa fase inicial com escalas, até que sejam criadas todas as condições para destinos directos, afirmou hoje em Doha o ministro dos Transportes, Ricardo de Abreu.

As autoridades e a companhia aérea deste emirado do Golfo Pérsico já avisaram Angola sobre atrasos na entrega de equipamentos à Qatar Airways, embora todo o trabalho preliminar no aeroporto internacional de Luanda e também nos acordos com a TAAG estejam concluídos.

Ricardo de Abreu disse que se aguarda apenas pela disponibilidade dos meios para a ligação. As duas empresas partilharão serviços (Code Share), numa altura em que a data do começo da nova era pode ser anunciada domingo, após assinatura do acordo no sector dos transportes.

A ligação será feita pela Qatar Airways, na fase inicial, num acordo de partilha de códigos (com a TAAG). Neste momento, a companhia nacional de bandeira pela dimensão da sua frota não tem capacidade para desencadear este processo.

Ainda assim, o ministro dos Transportes acredita que com o processo de reestruturação e modernização, bem como a entrada de mais aeronaves, a realidade poderá mudar para alguns destinos, já que a estratégia actual tem outras prioridades.

A estratégia comercial da TAAG tem outras prioridades e destinos, até que tenha maior capacidade de equipamentos, apontou o governante que integra a delegação presidencial, encabeçada pelo Chefe de Estado, João Lourenço, que viaja sábado ao Qatar para o fortalecimento das relações bilaterais e assinatura de protocolos.

Por enquanto, Ricardo de Abreu explicou os benefícios dos acordos de Code Share, pois permitem que a TAAG obtenha também receita do fluxo de passageiros entre os dois destinos e que os cidadãos angolanos e internacionais possam usufruir de mais uma ligação.

Espera-se que haja contrapartidas quer para a companhia aérea nacional de bandeira quer para os viajantes a outras partes do mundo, porque Doha hoje, à semelhança dos demais destinos da região do Golfo, é placa giratória internacional.

Qatar Airways tem ligações para mais de 160 destinos diferentes e permite que, a partir da sua base no Aeroporto Internacional Hamad (que inclui grande galeria comercial com centena de lojas e restaurantes, além de piscina e hotel, se possa a preço acessível ligar os angolanos para demais regiões.

Os dois países produtores de petróleo assinaram em Março um acordo no domínio dos transportes, que prevê o estabelecimento de ligações aéreas entre as capitais Luanda e Doha, na sequência da visita do ministro dos Transportes, Ricardo de Abreu, acompanhado de representantes da transportadora aérea TAAG e da Empresa Nacional de Navegação Aérea (ENANA).

Desde de 2015, altura em que Angola e Qatar rubricaram o protocolo para criação de conexões directas entre as duas capitais para o fomento do intercâmbio comercial dos empresários de ambos os lados, que se aguarda pela sua efectivação. Com base em dados disponíveis, o acordo visava concretizar os objectivos do governo angolano para potenciar o sector da aviação civil nacional e apoiar a TAAG na conquista de novos destinos.

Rate this item
(2 votes)
Last modified on Segunda, 09 Setembro 2019 16:57

Log in or Sign up