Terça, 21 de Janeiro de 2020
Follow Us

O Governo angolano assegurou hoje que o segundo satélite do país, Angosat-2, em construção a 50% e que deve ser lançado em órbita em 2022, “é o primeiro satélite africano de última geração, alto débito e alta capacidade”.

Mais de um quarto dos computadores do planeta ainda utiliza o Windows 7 como seu sistema operacional. Lançada em 2009, a plataforma terá seu suporte encerrado pela Microsoft no dia 14 de janeiro do ano que vem. Os dados, computados pela NetMarketShare, não contabilizam usuários que usam versões piratas do sistema.

Quinta, 28 Novembro 2019 15:20

Facebook e Instagram estão fora do ar

Os utilizadores do Instagram e do Facebook estão a reportar problemas com as redes sociais, incluindo os do serviço de mensagens Messenger.

A rede social Facebook anunciou hoje que eliminou um conjunto de páginas, grupos e contas falsas usadas para espalhar notícias relacionadas com eleições, política moçambicana e de outros países.

A rede social Facebook anunciou esta sexta-feira o lançamento de um serviço de notícias, o Facebook News, para promover o jornalismo e combater a sua reputação de desinformação, inicialmente nos EUA.

Os fatos poderão ser usados durante a missão Artemisa, que voltará a levar astronautas norte-americanas à Lua em 2024.

A NASA apresentou na sua sede em Washington DC modelos de dois fatos espaciais que poderão ser usados peloos astronautas da agência norte-americana na próxima missão à Lua em 2024.

A ideia desta missão à Lua – de nome Artemisa – é estabelecer um grupo colonizador inicial que crie uma infraestrutura para servir de base para eventuais missões a Marte. Sobre os fatos em questão, a NASA teve a atenção de os preparar para as condições rigorosas do Espaço.

Além de proporcionarem uma maior flexibilidade nas articulações – sobretudo na área dos ombros e joelhos – estes novos equipamentos também ajudarão os astronautas a suportarem temperaturas entre os 156 e 121 graus Celsius negativos.

Cerca de 20 dias após o início do procedimento, os exames de Vamberto Castro comprovaram que as células cancerígenas desapareceram.

O drone militar russo voou pela primeira vez ao lado de um avião caça de combate. A agência de notícias russa - TASS - divulgou o vídeo da experiência na tarde desta segunda-feira (30). Nas imagens é possível ver a decolagem do drone e do caça russo S-57 e um voo que durou mais de 30 minutos.

Página 1 de 21

Log in or Sign up