Segunda, 15 de Agosto de 2022
Follow Us

Depois de retirar Angola da ‘lista cinzenta’, em 2016, organismo substituiu o acompanhamento permanente directo por avaliações temporárias. Procedimento está em curso, mas a avaliação ‘in loco’ acontecerá apenas no próximo ano.

Published in Destaque