Sábado, 21 de Mai de 2022
Follow Us

Os generais Hélder Vieira Dias Kopelipa, Sequeira Lourenço e Alfredo Tyaunda, ouvidos na semana passada, nesta fase de instrução contraditória, declararam, segundo fontes do Jornal O CRIME, que tanto na Casa Civil como na UGP não houve desvio de valores.

Published in Sociedade

O julgamento, que teve início no passado dia 19 de Janeiro, à porta fechada, no Instituto Nacional de Estudos Jurídicos (INEJ), sito no Nova Vida, começou com audição do réu Jacinto Hengombe, antigo oficial da UGP, que, dentre outras revelações, disse que parte do dinheiro de que são acusados de desvio serviu para contrapor um comício da UNITA, na província do Bié, e actualmente serve para indemnização dos antigos trabalhadores da Casa Civil.

Published in Sociedade

A instrução contraditória do caso Lussati, processo que conta com 51 arguidos, entre os quais o major Pedro Lussati, ligado à Casa de Segurança do Presidente da República de Angola, iniciou-se hoje em Luanda.

Published in Sociedade

O major das Forças Armadas Angolanas (FAA), Pedro Lussaty, encontra-se em estado grave no Hospital Prisão de São Paulo, onde está preso desde Junho do corrente ano, informou um dos advogados ligados ao processo.

Published in Sociedade

O esquema fraudulento na gestão da Casa de Segurança presidencial desviara pelo menos 35 bilhões de kwanzas (62 milhões de dólares) dos cofres do Estado angolano de 2008 até 2020.

Published in Sociedade
Página 1 de 12