Menu
RSS

Declarações de Manuel Augusto, colocam em dúvida a credibilidade da luta contra a corrupção

Declarações de Manuel Augusto, colocam em dúvida a credibilidade da luta contra a corrupção

Os serviços de apoio da presidência da república de Angola, já deveriam faz tempo vir a público, esclarecer aos Angolanos, se vinculam ao presidente João Lourenço, as declarações, proferidas pelo ministro das relações exteriores, Manuel Augusto (MA).

Por Orlando Fonseca

As declarações de Manuel Augusto na recente cimeira/Europa/África, ocorrida recentemente em Abidjan /Costa do Marfim, logo repetidas em Luanda, segundo as quais a Cidade Alta, jamais daria um só passo, com vista a consolidar as consanguíneas relações com Portugal, em virtude do caso Manuel Vicente, (MV), acusado pela justiça Lusa, por haver corrompido um magistrado Luso, Orlando Figueira, com vista a arquivar processos criminais, que pesam sobre vários membros da família/MPLA/JES, em Portugal.

O actual silencio sepulcral, da presidência da república de Angola, em não esclarecer tais declarações tal silencio, significa que o presidente JL, poderia estaria de acordo com o seu ministro das relações   exteriores.

Contrariamente, a não ser assim, eu/lanço aqui um repto ao presidente JL, para que duma vez por todas nos esclareça, porque razão, eu e os compatriotas, muito menos o estado Angolano, estaríamos todos vinculados, aos actos criminosos, cometidos por um corrupto/delinquente, como MV?

De resto, se o Sr MV, repito se o principal actor intelectual, do enriquecimento ilícito do ditador, Jose Eduardo dos Santos, (JES) /seus filhos, particularmente da Isabel dos Santos, não tem "culpa no cartório" /ou se não deve nada em Portugal, então porque razão este Sr, não viaja logo para Portugal, com vista a defender-se da sua (inocência)?

Porem, e preciso que o presidente Lourenço, fique sabendo o seguinte:

Sr presidente JL, na verdade a sua campanha de exonerações quase (letal), que atingiu particularmente os filhos de Santos, incluindo Isabel dos Santos, que agora se encontra no olho da rua, fora da Sonangol, provocaram um incomensurável optimismo/expectativas, para a merecida/necessária revitalização da economia de Angola.

Numa altura, em que aqui nos bastidores dos países Ocidentais, EUA incluído, vários bancos correspondentes de Angola, já estariam preparando o seu regresso para a nossa terra.

Porem, repito o não esclarecimento destas declarações   burras/estúpidas, inocentes, do seu ministro das relações   exteriores, pode dar azo a que agora tais investidores, possam reavaliar a situação, cogitando que suas medidas eventuais, contra a corrupção em Angola, afinal não passam de medidas cosméticas, que apenas visam a lavagem da imagem do seu MPLA.

Logo, os investidores estrangeiros, poderiam cogitar que fazer regressar os dólares Norte Americanos/Euros, para Angola, poderia significar a continuação da lavagem de dinheiro, pelos bancos Angolanos, tal como no passado, quando de resto, o disse publicamente, que não havia ruptura com o passado dos Santista, em relação ao regime do presidente JL.

De resto, Sr presidente JL, se as suas reformas visam a revitalização da credibilidade, dos líderes e das instituições Angolanos, eis aqui o meu pobre conselho:

Na verdade, os passos que o presidente JL, já deu, ou melhor dito, a velocidade com que (correu) com os filhos de Santos, dos negócios estratégicos do estado Angolano, ao mesmo tempo que tudo indica que o Sr presidente, já controla o poder militar em Angola, ou mais do que isso, JL, granjeou um vasto apoio popular.

Tal desidrato, na verdade não agradou e, nunca agradara/agradaria o ditador Santos.

Razão pela qual, se Manuel Augusto, afinal não cumpriu instruções do presidente JI, então fique sabendo Sr presidente, que Santos, deverá haver posto um sem número de Manuel Agostos, no seu consulado, tais como João Pintos e outros, que nunca o deixarão governar tranquilamente, com vista devolver Angola aos Angolanos.

Logo, o Sr presidente, na minha opinião, teria já mergulhado em aguas profundas, sobre as quais, agora só lhe restam duas coisas a fazer a saber:

Continuar a nadar sobre elas e chegar a outra margem em segurança.

Ou contrariamente, o Sr presidente JL, soçobrara, empurrado sobre as aguas adentro, por Santos, através dos seus homens e mulheres, que a muito se encontram dentro do seu consulado, ao serviço do ditador JES.

Sr presidente JL, lembre-se da grande citação do grande pai do pensamento e da ciência política moderna, Nicolau Maquiavel, que diz o seguinte:

(ANTES DE TUDO ARMA-SE) fim de citação.

PRESIDENCIA DA REPUBLICA DE ANGOLA, DEVERIA PROMOVER SECÇÕES DE CONFERENCIA DE IMPRENSA NO MÍNIMO QUINZENAIS

Quando a recessão económica/financeira, atingiu de maneira gritante/ brutal os EUA, em 2008,logo se seguiu a eleição do presidente Barack Obama, como inquilino na Casa Branca, em Washington,DC,Obama, para além de criar uma página On Line, através dos seus serviços de apoio, pela qual depositávamos as nossas sugestões/reclamações,  etc., o presidente dos EUA, promovia, um sem número de secções de conferência de imprensa, quase diárias, através das quais, os batalhões de jornalistas/nacionais estrangeiros habitualmente eram esclarecidos, pelos vários secretários de imprensa, que costumam representar as opiniões do presidente dos EUA.

O presidente JL, pode se quiser, optar o mesmo caminho em Angola, instruindo o seu actual secretário de imprensa Luis Fernando, com vista ser coadjuvado ali na Cidade Alta, por jornalistas seniores, com experiência demonstrada do tipo, Graça Campos, Reginaldo Silva, Rosa Rogério, entre outros, com vista a se passar diferenciar as opiniões do chefe de estado Angolano, em relação as opiniões dos infiltrados de Santos, ali na Cidade Alta.

De resto, o presidente JL, não se deve dar ao luxo, de seguir as pegadas do seu antecessor, Santos, que em 38 anos do seu longevo consulado, não se conhecem conferencias de imprensa, em que JES, haja publica/espontaneamente, sem rascunhos, responder perguntas substanciais a jornalistas Angolanos ou estrangeiros.

Na verdade, o nosso simbólico poder, particularmente demonstrado nos nossos jornais Angolanos On Line, Folha 8, Angola 24 horas e outros, poder esse que consiste em arbitrar os actos do governo e não só, tal desidrato deveria ser o papel desta sumida oposição em Angola.

Uma oposição, que está a confundir claramente, os actos que visam a afirmação do presidente JL, como se o presidente de Angola, estivesse a trabalhar para os da oposição, ou para os Revus, tendo (baralhado) o trabalho dos seus opositores.

Quando contrariamente, o presidente JL, tem deixado grande espaço de manobra para que os seus opositores actuem, porem poderiam provavelmente faltar ideias do lado oposto do governo.

Voltando a vaca fria, não e demais lembrar ao JL, que Portugal, tem sido o principal intermediário de Angola, sobre qualquer que seja o investimento/ou investidor, de qualquer pais que seja, que queira investir, etc., na nossa terra, que isto fique bem claro aos nossos governantes.

Porque tem sido a Portugal, através do qual que tais investidores, costumam pedir a opinião sabia, sobre como actuar em Angola, tendo em conta o conhecimento profundo que o Luso tem de Angola, acrescido ao facto de haver sido a potência colonizadora da terra Angolana.

Logo, ligar as relações entre Angola e Portugal, ou vincular os Angolanos/Estado Angolano, a um assunto pessoal, de práticas criminosas, como é o caso do cidadão MV, que agora se esconde nas saias de uma imunidade parlamentar, que só e valida em Angola, não dignifica nem o presidente JL, muito menos as instituições Angolanas, que se pretendem revitalizadas, aos olhos particularmente dos países do mundo livre, incluindo os EUA/União Europeia.

De resto, quando MV, eventualmente receber o latente mandato internacional de captura pela Interpol, ao que parece ocorreria no próximo mês de janeiro, de 2018, aí veremos se MA (acompanharia) MV, ou se MA, se atreveria a desafiar a justiça internacional, que na verdade, a muito deu início, desta longa cruzada mundial, que visa atrapar todo o Clã dos Santos, por roubos/branqueamento de capitais públicos, suspeitas de financiamento ao terrorismo internacional etc.

Numa altura, em que repito, Santos, na minha opinião, repito já estaria de maneira subtil, em prisão (domiciliaria ali nos seus aposentos do Mira Mar) Luanda, tipo seu amigo "Robert Gabriel Mugabe”, quando JL a muito, já controla o poder militar em Angola.

De resto Angola, parece contar já com um Instituto Superior de relações internacionais, (ISRI) que já formou vários quadros jovens Angolanos, diplomatas de carreira, muitos dos quais, tem verdadeiro domínio das línguas Inglesa, Francesa e outras, através dos quais o presidente JL, deve começar o quanto antes a recrutar, com vista a revitalização urgente da nossa diplomacia, particularmente os nossos consulados, cheios de velhos, que nem mesmo a língua de Camões, mal podem dominar, suprimindo os habituais cometimentos de inocências/ passagem de vergonhas nacionais, como a protagonizada  pelo próprio chefe da diplomacia Angolana, MA, nos últimos dias.

Porem, esclarecimento das declarações de MA, por parte da presidência da Republica de Angola, necessita urgentemente, sob pena do presidente JL, continuar vinculado a elas e, com elas o descrédito das suas medidas contra a corrupção em Angola.

Que Deus nos abençoe e guarde Angola/Angolanos e ao seu presidente JL/sua família/equipa de trabalho

Mídia

voltar ao topo
SIC apresenta provas e os assassinos de apresentadora da TPA

SIC apresenta provas e os assassinos de apresentadora da TPA

Os homens envolvidos na morte da ex-apresentadora da Televisão Pública de Angola...

Apresentadora da TPA encontrada morta em Viana após rapto

Apresentadora da TPA encontrada morta em Viana após rapto

A apresentadora da Televisão Pública de Angola Beatriz Fernandes foi hoje encont...

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

A Comissão Nacional Eleitoral (CNE) de Angola proclamou, hoje, oficialmente, o M...

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheiro

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheir…

José Eduardo dos Santos é destes amigos improváveis arranjados pela diplomacia b...

PAGINAS PRINCIPAIS

ENTRETENIMENTO

  • Shows
  • Música

DESPORTO

  • Girabola 2016                         
  • Outros Esportes

SOBRE NÓS

  • Grupo Media VOX POPULI

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Instagram

RÁDIOS & TV

Radio AO24 Online

Em Breve