Menu

UNITA reafirma participação de Mfuca Muzemba em actos de corrupção Destaque

Ex-dirigente Mfuca Muzemba Ex-dirigente Mfuca Muzemba

A UNITA, maior partido da oposição angolana apresentou provas documentais e reafirmou a participação do seu ex-dirigente Mfuca Muzemba em alegados "atos de corrupção", sustentados por dirigentes locais e nacionais do MPLA, partido no poder.

E numa nota publicado no facebook ,Mfuca_Muzemba confessa que não vi nada provado nesta conferências de imprensa. Mfuca_Muzemba pergunta se viram os milhões nas suas contas, como de dizia haver? Se viram algum documento falsificado com o seu nome, a pedir vistos para estrangeiros? Se viram algum documento seu de carros luxuosos? Ou se viram algum documento seu de casas? Para Mfuca_Muzemba não nos esqueçamos que sobre ele pesaram 13 acusações.

Em conferência de imprensa realizada hoje para responder ao desafio lançado, há uma semana, pelo ex-líder juvenil daquele partido político, a União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA) apresentou provas documentais e testemunhais das suas acusações.

Mfuca Muzemba foi suspenso por dois anos dos cargos de secretário-geral da JURA, organização juvenil da UNITA, e da direção política do partido, na sequência de um inquérito interno, em cuja votação na Comissão Permanente da Comissão Política, se considerou provada por maioria a sua alegada participação em atos de corrupção.

Aquela organização partidária alega que no seu inquérito, a pedido de Mfuca Muzemba, ficou provado que o mesmo prestou falsas declarações para a obtenção fraudulenta de vistos de entrada em Portugal para cidadãos estrangeiros em troca de dinheiro.

Segundo o presidente da comissão de sindicância, Jorge Vitorino, o ex-dirigente da UNITA "recebia de cada um deles 3.500 dólares por cada visto que obtinha".

"Estas falsas declarações e cobrança de dinheiro por elas constituem infração disciplinar e criminal", referiu.

As acusações estendem-se igualmente a "tentativas de aliciamento e desencorajamento" de membros do Movimento Revolucionário juvenil, autores de manifestações em Angola.

"As provas que aqui estão revelam que no dia 18 de dezembro de 2012 o jovem Mfuca recebeu do regime de José Eduardo dos Santos 150 mil dólares, com que tentou corromper os jovens revolucionários e convencê-los a não fazer a manifestação que já estava convocada para o dia seguinte", afirmou Jorge Vitorino.

No encontro, foi lida e distribuída à imprensa cópia de extratos bancários de uma conta em moeda estrangeira, em nome de Mfuca Muzemba, com movimentos bancários desde outubro de 2012 a abril de 2013.

Na conferência de imprensa que realizou na quarta-feira, Mfuca Muzemba rejeitou todas as acusações e garantiu que se o recurso que vai apresentar na Comissão Política da UNITA for julgado improcedente avançará para os tribunais civis.

Muzemba considerou estar a ser alvo de um "processo político", que visa impedi-lo de participar nos congressos da JURA e da UNITA, previstos para 2014 e 2015, respetivamente.

Apesar das acusações, a UNITA considera o seu ex-dirigente e deputado à Assembleia Nacional pela bancada parlamentar daquele partido, "uma vítima da corrupção" que existe em Angola.

"Ao esconder ardilosamente estas verdades e vir a público ostensivamente exibir uma falsa inocência, o jovem Mfuca só veio provar a todos nós que é mesmo vítima da corrupção gangrenosa do regime de José Eduardo dos Santos", sublinhou Jorge Vitorino.

A UNITA considerou necessário o esclarecimento "não tanto para expor" Mfuca Muzemba, mas "principalmente para expor o regime corrupto de José Eduardo dos Santos e alertar os demais jovens para não caírem na mesma ilusão".

Mídia

voltar ao topo
Apresentadora da TPA encontrada morta em Viana após rapto

Apresentadora da TPA encontrada morta em Viana após rapto

A apresentadora da Televisão Pública de Angola Beatriz Fernandes foi hoje encont...

Medo do MPLA: Oposição obteve maioria na Assembleia Nacional

Medo do MPLA: Oposição obteve maioria na Assembleia Nacional

O pleito eleitoral de 23 de Agosto 2017 acabou na lógica de “tudo muda sem nada ...

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

A Comissão Nacional Eleitoral (CNE) de Angola proclamou, hoje, oficialmente, o M...

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheiro

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheir…

José Eduardo dos Santos é destes amigos improváveis arranjados pela diplomacia b...

PAGINAS PRINCIPAIS

ENTRETENIMENTO

  • Shows
  • Música

DESPORTO

  • Girabola 2016                         
  • Outros Esportes

SOBRE NÓS

  • Grupo Media VOX POPULI

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Instagram

RÁDIOS & TV

Radio AO24 Online

Em Breve