Quinta, 06 de Outubro de 2022
Follow Us

Domingo, 14 Agosto 2022 20:48

Comissão Provincial Eleitoral desmente voto antecipado no Namibe

A Comissão Provincial Eleitoral do Namibe (CPE) desmentiu, este domingo, em Moçâmedes, informações difundidas nas redes sociais sobre um alegado de votação antecipada, na localidade de Caraculo.

Tal desmentido surge em função de um vídeo e áudios postos a circular nas redes sociais, exibindo populares com tinta indelével no dedo, e um indivíduo afirmando estar a realizar-se o voto antecipado na localidade do Caraculo, província do Namibe.

Segundo a presidente do CPE Namibe, Desidéria Ndakupapo, o vídeo difundido é referente ao processo de cadastramento de beneficiários do programa de transferências sociais monetárias, denominado Kwenda.

Adiantou que o órgão que dirige está a receber o material eleitoral, para o pleito marcado para 24 deste mês, que ainda não foi distribuido às assembleias de voto.

“Não há voto antecipado. A informação não corresponde à verdade dos factos. Nesta altura não temos nenhum boletim de voto em nenhuma das assembleias de voto, pois estamos a receber o material para o processo de votação", reforçou Desidéria Ndakupapo.

Disse estar em curso a formação dos membros das mesas e das assembleias de voto, assim como o credenciamento dos delegados de lista dos oito concorrentes.

A directora provincial do Fundo de Apoio Social, Nayole Araújo, informou que, há mais de um ano, o seu organismo leva a cabo o processo de cadastramento para entrega de bens alimentares e valores monetários às famílias vulneráveis, tendo beneficiado já o município do Virei e da Bibala.

Neste processo, disse, para as famílias que não sabem assinar o documento, o governo entendeu usar tinta indelével como forma de confirmar no sistema o beneficiário.

“Esta tinta é uma estratégia que o FAS usa para o controlo de quem já foi cadastrado, para evitar a duplicidade de cadastramento”, esclareceu.

Nayole Araújo lamentou o facto de o vídeo e áudios "estarem a criar situações não muito boas para o processo eleitoral que decorre com a maior transparência e lisura".

A província do Namibe conta com 264 mil 711 eleitores cadastrados, que vão exercer o direito do voto em 524 assembleias, em 263 mesas de votos.

Rate this item
(0 votes)