Menu
RSS

João Lourenço e Bornito de Sousa se não se porem á ferro podem quebrar!

João Lourenço e Bornito de Sousa se não se porem á ferro podem quebrar!

Devem estar atentos para não serem surpreendidos! Eu também tenho muitas dúvidas que JES, se ainda estiver em condições de mover uma palha, que deixe mesmo seus filhos, toda povoação de generais, familiares e amigos corruptos que ele ajudou e lhe juraram fidelidade fazerem uma travessia penosa pelo deserto.

Por Fernando Vumby

Precisamos não esquecer que a pressão sob JL, vai aumentar na medida em que ele vai tentando limpar a imagem sujo e nojenta do MPLA que governou o país ao longo destes anos todos digamos mesmo de forma criminosa se considerando que hoje quase não existe quem tenha feito parte do governo da era JES, que não tenha sido citado como corrupto / criminoso.

O povo não está nada contente com só exonerações sem prestações de contas por parte dos exonerados e pior quando se fala dos biliões que muitos acumularam ilegalmente subtraídos dos cofres públicos e para credibilizar as ações de JL, devem ser devolvidos ao povo angolano, ou seja, cofres públicos.

Essa da galinha dos ovos de ouro (Isabel dos Santos) andar por aí esfregando suas mãos de contente e abanando o seu cú nos canais televisivos porque para além da Sonangol tem outros biliões em sua posse não é um bom cartão de visita para um JL que veio com muita pujança e acredito já ter conquistado mesmo o coração de grande parte dos angolanos.

Os dinheiros roubados devem ser devolvidos estejam eles em posse sejam de quem for, dos filhos de JES, Kopelipa, Morais e outros tantos, custe o que custar, e é aqui, onde a vingança poderá dar o seu pontapé de saída contra João Lourenço, Bornito de Sousa e seus seguidores.

Se ambos não forem inteligentes e souberem manter o equilíbrio de forças e controle de todas as movimentações suspeitas, ligações no terreno dentro e fora do país entre JES e seus seguidores os mais radicais e perigosos que até são conhecidos, podem ser apanhados de surpresa e ser o fim da festa.

.
..
.
.
back to top

Recomendamos