Menu
RSS

Desemprego deixa milhares de jovens a viver de biscastes em Luanda

Desemprego deixa milhares de jovens a viver de biscastes em Luanda

O desemprego continua a deixar milhares de jovens no desemprego em Luanda, entregues a alguns biscates para pagar as contas, muitos dos quais com formação técnico-profissional que não conseguem colocar em prática.

No bairro da Terra Nova, distrito urbano do Rangel, arredores do centro de Luanda, o problema vive-se sem rodeios, com os jovens a lamentarem-se na rua, justificando a falta de oportunidades com a crise que o país atravessa, por entre alguma esperança de mudança, com o novo ciclo político no país.

Gilberto Nelo da Silva procura pelo primeiro emprego desde os 17 anos, já lá vão três anos: "Deixamos os documentos nas empresas e as pessoas não são chamadas, às vezes aquela corrupção, então esperamos que as coisas sejam melhores com este novo Governo", apontou.

Mesmo com formação em Higiene e Segurança no Trabalho, são os biscates diários que renovam as esperanças de Gilberto Nelo da Silva, no que apelida de "batalha da vida".

"Vivo com os pais e o dia-a-dia é marcado por correrias. O bocado que aparece, fazemos a vida com alguns biscates e não podemos parar de batalhar", apontou.

A taxa de desemprego em Angola situava-se no final de 2015 nos 20%, mas dois terços dos desempregados não procuravam emprego e os jovens são os mais afetados, segundo um estudo disponibilizado pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) angolano.

É o caso de Irineu de Fátima da Silva, que com 28 anos já nem se lembra a última vez que teve o seu primeiro emprego, falando em "dificuldades diárias" e "lamentando a desvalorização" da juventude no país.

"Continuo a bater às portas e dessas veem apenas esperança. Aliás, a demora começa na conclusão dos documentos é aí onde começa a falha devido à burocracia. E quando tens os documentos já não há vagas", lamentou.

Daí que reste sobreviver de biscates, ganhando ao dia, conforme "o que aparece para fazer".

"Já há anos que me estou a aguentar com os famosos biscates, fiz formação de mecânica, corte e costura e restauração. Às vezes aparece algum serviço e vou vivendo", assinalou.

Já Sílvio Rodrigues Francisco é técnico de informática e há seis meses bateu pela última vez à porta de uma empresa, em busca por emprego, e continua a aguardar pela resposta enquanto faz o curso de condução com ajuda dos pais.

"Vou batalhando para ver se consigo algo, mas não tem sido fácil. Faltam oportunidades de emprego, estamos com novo Presidente e vamos esperar o que ele tem para nos dar", revelou.

Este jovem, de 20 anos, refere que são apenas os biscates que o mantém em pé, aguardando por qualquer oportunidade de trabalho: "Agora estou à espera da ligação e enquanto não chega o emprego, os biscates aparecem e vamos andando".

Só para Luanda, o INE estima uma taxa de desemprego acima dos 25%, enquanto as mais baixas em Angola situam-se nas províncias do Cuanza Sul e Bié, com 8% cada.

Ainda no bairro da terra Nova, em Luanda, vive igualmente Francisco Matias, que já leva quatro anos sem emprego. Descreve a situação como "frustrante", sobretudo quando a fome "aperta", dependendo por isso da boa vontade dos vizinhos no momento de aflição.

"Trabalhava por conta própria, fui assaltado e estou assim agora a ver a vida com muita dificuldade, agora mais com a crise. Depois, mais com a família, a pessoa tem que se virar, porque quando não tem mesmo, batemos a porta do vizinho", desabafou.

De acordo com Francisco Matias, de 33 anos, mesmo com formação em informática, é lavando carros ou servindo em festas sempre que possível que consegue algo para sobreviver.

"Está difícil. Para além de a pessoa ter algum curso, alguma formação, a falta de emprego continua a ser o grande drama dos jovens, aqui mesmo na rua temos mais de 100 jovens formados e sem profissão", observou, enumerando os casos que conhece.

Mídia

voltar ao topo
Apresentadora da TPA encontrada morta em Viana após rapto

Apresentadora da TPA encontrada morta em Viana após rapto

A apresentadora da Televisão Pública de Angola Beatriz Fernandes foi hoje encont...

Medo do MPLA: Oposição obteve maioria na Assembleia Nacional

Medo do MPLA: Oposição obteve maioria na Assembleia Nacional

O pleito eleitoral de 23 de Agosto 2017 acabou na lógica de “tudo muda sem nada ...

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

A Comissão Nacional Eleitoral (CNE) de Angola proclamou, hoje, oficialmente, o M...

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheiro

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheir…

José Eduardo dos Santos é destes amigos improváveis arranjados pela diplomacia b...

PAGINAS PRINCIPAIS

ENTRETENIMENTO

  • Shows
  • Música

DESPORTO

  • Girabola 2016                         
  • Outros Esportes

SOBRE NÓS

  • Grupo Media VOX POPULI

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Instagram

RÁDIOS & TV

Radio AO24 Online

Em Breve