Menu

Investigado caso de homem que morreu à porta de hospital em Luanda sem assistência

Investigado caso de homem que morreu à porta de hospital em Luanda sem assistência

Uma equipa da Inspeção-Geral da Saúde angolana está a investigar as circunstâncias em terá morrido um homem, de 31 anos, à porta do hospital do Kapalanga, no município de Viana, arredores de Luanda, por alegada falta de assistência.

A denúncia para o caso foi hoje feita por familiares da vítima, que sofreu um acidente à entrada da zona do Zango, em Viana, na madrugada de domingo, tendo sido inicialmente levado para um hospital municipal daquela área.

Maria Luísa Martins, mãe da vítima, relatou à rádio pública angolana, que do hospital municipal do Zango o filho foi transferido para o hospital do Kapalanga, mas chegados àquela unidade sanitária não havia maca para retirar o acidentado do carro que o socorreu.

Segundo contou ainda Maria Luísa Martins, faltou igualmente combustível para a ambulância que deveria transferir o filho dali para outro hospital, havendo necessidade de se realizar uma contribuição entre os familiares para se abastecer a viatura.

A mãe da vítima disse que o filho acabou por morrer sem ter recebido qualquer assistência do hospital.

No decorrer desta manhã, após a denúncia, vários ouvintes ligaram à rádio Luanda para denunciar casos similares ocorridos naquela mesma unidade hospitalar.

Sobre o caso, a diretora provincial de Saúde de Luanda, Rosa Bessa, informou que a equipa de inspeção provincial e geral de saúde esteve toda a manhã de hoje a trabalhar para apurar os factos, salientando que ouviram a direção do hospital e o pessoal em serviço naquele dia, incluindo o motorista.

"O que podemos adiantar, é que o jovem teve um capotamento e o foi assistido pela equipa em serviço nesse dia, nós vamos concluir o relatório preliminar e voltaremos com outros dados", disse.

Rosa Bessa frisou que está a ser feito o trabalho e "certamente se assim se impuser poderão ser responsabilizadas as pessoas".

"Isto está no âmbito de um inquérito, vamos ter em consideração todas as preocupações apresentadas e vamos depois nos pronunciar. Tudo passa pela conclusão desta denúncia que nos chegou e concluiremos com todo o zelo e dedicação, que assim impõe, a situação é realmente de lamentar", acrescentou.

Mídia

voltar ao topo
Apresentadora da TPA encontrada morta em Viana após rapto

Apresentadora da TPA encontrada morta em Viana após rapto

A apresentadora da Televisão Pública de Angola Beatriz Fernandes foi hoje encont...

Medo do MPLA: Oposição obteve maioria na Assembleia Nacional

Medo do MPLA: Oposição obteve maioria na Assembleia Nacional

O pleito eleitoral de 23 de Agosto 2017 acabou na lógica de “tudo muda sem nada ...

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

A Comissão Nacional Eleitoral (CNE) de Angola proclamou, hoje, oficialmente, o M...

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheiro

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheir…

José Eduardo dos Santos é destes amigos improváveis arranjados pela diplomacia b...

PAGINAS PRINCIPAIS

ENTRETENIMENTO

  • Shows
  • Música

DESPORTO

  • Girabola 2016                         
  • Outros Esportes

SOBRE NÓS

  • Grupo Media VOX POPULI

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Instagram

RÁDIOS & TV

Radio AO24 Online

Em Breve