Menu

Isabel dos Santos reforça poderes na Sonangol

Isabel dos Santos reforça poderes na Sonangol

Petrolífera angolana tem um novo estatuto orgânico. Figura de presidente da comissão executiva desaparece e o conselho de administração, liderado por Isabel de Santos, vê os seus poderes reforçados.

A petrolífera Sonangol, liderada por Isabel dos Santos, deixou de ter a figura de presidente da comissão executiva, conforme novo estatuto orgânico aprovado pelo ex-chefe de Estado angolano, que entrou em vigor depois da posse de João Lourenço.

O novo estatuto orgânico da Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol), a que a Lusa teve esta terça-feira, 3 de Outubro, foi aprovado por José Eduardo dos Santos a 21 de Setembro e publicado seis dias depois, já após ter cessado funções de chefe de Estado, surgindo na sequência da exoneração de Paulino Jerónimo das funções de presidente da comissão executiva.

A Sonangol funciona agora com dois órgãos, o conselho de administração, com até 11 membros, sendo actualmente liderado por Isabel dos Santos, filha de ex-Presidente da República, e um conselho fiscal.

"O conselho de administração é o único órgão a quem, com os mais amplos poderes dentro dos limites da lei e do presente estatuto, compete a gestão da Sonangol EP, respondendo perante o Governo pela gestão da empresa, sem prejuízo da responsabilidade civil em que os seus membros se constituam perante a empresa ou perante terceiros e da responsabilidade criminal em que incorram", lê-se no documento.

Em concreto, o estatuto refere que Isabel dos Santos, enquanto presidente do conselho de administração, tem a competência de propor a "nomeação, recondução e exoneração dos representantes da Sonangol EP nos órgãos de gestão de outras empresas", mas também "definir os pelouros de cada administrador".

A aprovação do estatuto orgânico da Sonangol pouco antes de sair de funções, e da posse de João Lourenço como novo Presidente angolano, surge em simultâneo com outras duas decisões de José Eduardo dos Santos, exonerando três administradores executivos - entre os quais o presidente do conselho executivo - e nomeando outros três para a administração da petrolífera.

 A empresária Isabel dos Santos assumiu em junho de 2016 o cargo de presidente do conselho de administração do grupo Sonangol, nomeada para as funções pelo pai, José Eduardo dos Santos, então chefe de Estado angolano, tendo como missão conduzir a reestruturação da petrolífera, o maior grupo empresarial de Angola.

"A empresa estava com os cofres vazios, tínhamos muitas dificuldades e este ano tem sido um ano no fundo de gerir essas dificuldades e conseguirmos passo a passo sobreviver às dificuldades e devagarinho começar a pensar no futuro", disse Isabel dos Santos, a 26 de Setembro, após a cerimónia de investidura de João Lourenço como Presidente de Angola, sucedendo a 38 anos de liderança de José Eduardo dos Santos.

A empresária admite que ainda é cedo para se "pensar num futuro brilhante", salientando que continua a decorrer o trabalho para se atingir a estabilidade da empresa e fazer com que as suas necessidades sejam cumpridas.

"Temos reduzido custos, temos instaurado um clima de mérito, as pessoas que merecem estão nos bons lugares, elas é que terão os cargos, tentamos mudar alguns critérios de trabalho, dar prioridade realmente ao que é importante. Quando se tem poucos recursos, quando não há muito dinheiro, é importante fazer o melhor possível com o pouco que se tem e é essa a filosofia que se tem estado a aplicar na empresa", salientou.

Modificado emquarta, 04 outubro 2017 00:28

Mídia

voltar ao topo
Medo do MPLA: Oposição obteve maioria na Assembleia Nacional

Medo do MPLA: Oposição obteve maioria na Assembleia Nacional

O pleito eleitoral de 23 de Agosto 2017 acabou na lógica de “tudo muda sem nada ...

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

A Comissão Nacional Eleitoral (CNE) de Angola proclamou, hoje, oficialmente, o M...

Reclusas no Kwanza Sul denunciam que são obrigadas a fazer sexo em troca da amnistia

Reclusas no Kwanza Sul denunciam que são obrigadas a fazer sexo em troca da amni…

Após a divulgação de imagens que mostram a falta de água e de alimentação em vár...

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheiro

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheir…

José Eduardo dos Santos é destes amigos improváveis arranjados pela diplomacia b...

PAGINAS PRINCIPAIS

ENTRETENIMENTO

  • Shows
  • Música

DESPORTO

  • Girabola 2016                         
  • Outros Esportes

SOBRE NÓS

  • Grupo Media VOX POPULI

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Instagram

RÁDIOS & TV

Radio AO24 Online

Em Breve