Menu
RSS

Crise em Angola: Atraso de verbas pode condicionar Angola nos Jogos Olímpicos

Crise em Angola: Atraso de verbas pode condicionar Angola nos Jogos Olímpicos

O Comité Olímpico Angolano (COA) continua limitado nas suas acções devido à falta de verbas.

O atraso de verbas para pagar o equipamento de competição e estadia, assim como as ajudas de custo para os atletas, poderá condicionar a nona presença de Angola nos Jogos Olímpicos.

A situação na Vila Olímpica, no Rio de Janeiro, deixa os atletas, dirigentes e integrantes desconfortáveis e leva-os a trabalharem com algum receio de serem afastados da competição.

O secretário-geral do COA e antigo nadador, António Monteiro Bambino, fez saber que, apesar dos constrangimentos, a instituição está a fazer os possíveis para ultrapassar todas as dificuldades.

Contudo, o antigo nadador olímpico espera que as coisas corram da melhor forma, de modo a que se preserve o bom-nome de Angola nesta competição, sendo que o objectivo dos 26 atletas é conquistar medalhas em todas as modalidades.

A judoca angolana do 1º de Agosto, Antónia de Fátima (Faya), disse ao SAPO que vai lutar com a intenção de conquistar, pelo menos, uma medalha no torneio da modalidade.

“Estou preparada para competir, mas respeito as minhas adversárias. Sei que não é fácil, mas espero que tudo esteja ao meu alcance. Preparei-me na Hungria com espírito de vencer", disse a bicampeã africana.

Nesta 31ª edição das olimpíadas, a maior esperança dos angolanos está na Selecção Nacional Sénior Feminina de Andebol, vulgo Pérolas Negras, que entram em acção já este sábado.

Entre os doze mil e quinhentos atletas que participam nos Jogos Olímpicos, em 306 provas, as Pérolas prometem fazer a diferença, mesmo sabendo que enfrentarão adversárias de peso e com vasta experiencia internacional.

Atletismo, andebol natação, vela, judo, tiro e remo são as sete modalidades em que Angola irá competir, nesta que é a maior montra desportiva do mundo.

Destas modalidades, o andebol participa com maior número de atletas, 15, vela conta com três, natação, dois, o mesmo número para o atletismo e remo. Já o atirador Paulo Silva e a judoca Faya competem de forma individual.

Angola nunca conquistou medalhas nos Jogos olímpicos, apesar de já ter participado oito vezes. Em 1980, estreou-se em Moscovo, com 13 atletas, e consequentemente, em Seul 1988, com 27. A Barcelona, em 1992, levou 34 atletas, a Atlanta, em 1996, foram 29, em Sidney, em 2000, participaram 31 atletas nacionais e o mesmo número em 2004, na cidade de Atenas. Nos Jogos de Pequim, em 2008, Angola participou com 32 atletas e em Londres, em 2012, com 34.

SAPO

 

Mídia

voltar ao topo
Apresentadora da TPA encontrada morta em Viana após rapto

Apresentadora da TPA encontrada morta em Viana após rapto

A apresentadora da Televisão Pública de Angola Beatriz Fernandes foi hoje encont...

Medo do MPLA: Oposição obteve maioria na Assembleia Nacional

Medo do MPLA: Oposição obteve maioria na Assembleia Nacional

O pleito eleitoral de 23 de Agosto 2017 acabou na lógica de “tudo muda sem nada ...

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

CNE proclama MPLA vencedor das eleições gerais 2017

A Comissão Nacional Eleitoral (CNE) de Angola proclamou, hoje, oficialmente, o M...

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheiro

Veja a mansão que a Odebrecht construiu para o ditador de Angola com seu dinheir…

José Eduardo dos Santos é destes amigos improváveis arranjados pela diplomacia b...

PAGINAS PRINCIPAIS

ENTRETENIMENTO

  • Shows
  • Música

DESPORTO

  • Girabola 2016                         
  • Outros Esportes

SOBRE NÓS

  • Grupo Media VOX POPULI

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Instagram

RÁDIOS & TV

Radio AO24 Online

Em Breve