Menu
RSS

Pelo menos dez mortos em acidente de viação em Xangongo

Pelo menos dez mortos em acidente de viação em Xangongo

O número de vítimas mortais do acidente de viação ocorrido na noite desta quinta-feira, no troço Xangongo/Ondjiva, município do Ombadja, província do Cunene, aumentou de nove para 10 mortes, soube a Angop de fonte hospitalar. De acordo com o director clínico do Hospital Geral de Ondjiva, Florim Shimate, a unidade recebeu em transferência uma paciente com politraumatismo diversos e em estado de choque, que não resistiu aos ferimentos e acabou por perecer depois de 45 minutos de tratamento.

O desastre ocorrido por volta das 21h00 de quinta-feira, a 10 quilómetros do troço Xangongo/ Ondjiva, caracterizado por colisão seguido de despiste, envolveu um camião de marca Renault, ao serviço da empresa de cerveja Ngola, um veículo de tracção animal e um auto ligeiro de passageiro que fazia serviço de táxi de Ondjiva para província da Huila.

Entretanto, o comandante da unidade de Trânsito no Cunene, superintendente João Hifewa, confirmou a morte de 10 pessoas, dos quais nove no local, uma na unidade sanitária e outras duas hospitalizadas em Ombadja.

Disse que a par do excesso de velocidade e o não cumprimento das regras de condução por parte do condutor do camião, existe a problemática do veículo de tracção animal que circulava na via sem iluminação ou quaisquer dispositivos refletor como causa do acidente.

Por seu turno, a vice-governadora para o sector Político, Social e Económico, Albertina Teresa José, lamentou o infausto acontecimento e exorta aos serviços competentes a prosseguirem com toda a dedicação e humanismo na assistência aos sinistrados, bem, como a responsabilização da empresa detentora do camião para apoio a família enlutada.

A vice-governadora alertou para a necessidade dos condutores primarem pelo cumprimento rigoroso das medidas que promovem uma condução mais segura nas estradas, para que se evitem perdas como as que acabam de enlutar várias famílias angolanas.

De realçar que oito vitimas mortais depositados na morgue de Xangongo, aguardam por identificação por parte dos famílias.

.
.
.
.
back to top

Recomendamos