Menu
RSS

Cabritismo em alta na administração municipal de Viana

Cabritismo em alta na administração municipal de Viana

O Mercado do km 30 no Municipio de Viana que se encontra em letigio com a Senhora Cidalia Cabinda,que alega ser proprietária legitima do Espaço,tentou muito recentemente ocupar o recinto com recurso de caenches,que escorraçaram o actual administrador Antonio Domingos,vulgo Tony Mulato e os seus fiscais.O uso da força por parte da senhora Cabinda segundo nossas fontes é resultado de uma suposta desobediência de Administração de Viana em Acatar um acórdão do tribunal provincial de Luanda, que da o caso por vencida pela senhora em Causa.

Entretanto, segundo a nossa fonte, o Administrador Adjunto de Viana para Orçamento e Fianças de Viana, Sr Rui Santos, ao se aperceber da situação protagonizada pela senhora Cabinda, terá accionado as Forças de Ordem do Municipio para agirem, mas dada a inacção destes, segundo o Administrador adjunto, para repor a ordem terá recorrido a alguns Comandantes de policia do vizinho Municipio de Icolo e Bengo, amigos destes que terão intervindo para repor a ordem.

A Rápida acção do Adjunto de Viana, terá obrigado o Administrador do Mercado do 30, Sr Tony Mulato, a assumir uma divida moral com este. E como consequência, o Sr Rui Santos têm sido compensado mensalmente com avultadas somas de dinheiro para o seu uso pessoal, assim como todas semanas a sua residência no Nova Vida recebe compras no valor equivalente a um milhão de kwanzas.

Os  desvios de dinheiro neste mercado e no cemitério Municipal de Viana esta na base da queda brusca de receitas depositadas por este mercado no tesouro nacional.

É de recordar que o Sr. Rui Santos, já foi Director Nacional do orçamento do Ministerio das Finanças, entretanto demitido pouco tempo depois de tomou posse, acusado de desvios de fundos, e mão relacionamento com seus superiores hierárquicos, situação que terá obrigado a secretaria de Estado a propor ao Senhor Ministro das Fiananças o seu afastamento prematuro.

Do cabritismo em viana não é tudo, foi por recomendação deste Adjunto Municipal que todos Mercados do Municipio foram privatizados a indivíduos sem noções da gestão de mercados, nem se deu ao trabalho de realizar um concurso publico. Hoje os indivíduos que receberam os mercados de do Zango, do Calumbo, boa fe, mercado do km 12 a e B, não depositam nada na conta do tesouro, não cuidam da situação de limpeza, o que faz aumentar receios de ressurgimento da febre amarela no município.

Outro mal do Bode amarrado no imbodeiro de Viana, é do Administrador Adjunto para esfera técnica, fernando Binge, que rouba os terrenos dos camponeses para proveito próprio, os espaços públicos, reservados para fazer jardims, esquadras de policia, hospitais, creches, pssagens hidráulicas de agua e ao longo das torres de alta tensão não tem sido pupados, podem ver o que estamos a dizer no zango, Luanda Sul, e Calumbo. O truque para evitar barulho dos Municipes que já tem consciência de cidadania é supostamente estes espaços são usados para programas de combate a pobreza. Quando na verdade , ocupam as terras, constoem casebras e lojecos que são comercializados a preços que variam de 5 a 10 milões de kwanzas.

Queres fazer a nossa parte para avisar o Sr Soma, Novo Administrador de Viana, Archer, Ministro das Finanças e Sr Mendes de Carvalho,Governador para agirem  e salvar o que ainda resta,e salvar o município de novos casos de cólera e febre amerela que matou muita gente

Last modified onDomingo, 10 Junho 2018 02:33
..
..
back to top

Recomendamos