Menu
RSS

Jovem morto à catanada no Cuito

Jovem morto à catanada no Cuito

Um jovem de 21 anos de idade, identificado por Eduardo Madureira, foi morto à catanada, terça-feira, na aldeia de Nhunha, arredores da cidade do Cuito, província do Bié, por alegada divergência com um amigo.

A informação foi avançada à Angop hoje, quinta-feira, na cidade do Cuito, pelo porta-voz do Comando Provincial da Polícia Nacional, superintender-chefe António Hossi, quando fazia o balanço da situação delituosa dos últimos sete dias.

António Hossi sublinhou que o crime aconteceu quando Agostinho David, suposto autor, discutia com Eduardo Madureira (vítima) na lavra deste, devido a um litígio que os mesmos carregam desde muito tempo, tendo a vítima ser golpeada na região da cabeça, que causou a morte.

Agostinho David já se encontra detido e está ser interrogado pelo Ministério Público.

A fonte disse ainda que no mesmo período, o Comando Provincial da Policia Nacional registou 52 crimes de natureza diversa que resultaram na detenção de 47 indivíduos implicados nos referidos crimes, entre os quais 43 do sexo masculino e quatro do sexo feminino.

Apontou como principais causas do cometimento dos delitos, o uso excessivo de bebidas alcoólicas e outras drogas, divergências nos lares, ganância ao lucro fácil, o desemprego, fome e miséria, com maior incidência nas classes menos favorecidas, falta de iluminação pública nos principais centros suburbanos, a inobservância às regras de trânsito.

Assegurou que as forças da ordem e tranquilidade pública continuam a desenvolver acções que visa reduzir a criminalidade na região, com o intensificar das operações de patrulhas e o trabalho de Polícia de proximidade ao cidadão.

Last modified onQuinta, 19 Abril 2018 23:00
.
. =
.
.
back to top

Recomendamos