Menu
RSS

Benedito Paulo Manuel é novo director-geral de Catoca

Benedito Paulo Manuel é novo director-geral de Catoca

A 64ª sessão extraordinária da Assembleia Geral da Sociedade Mineira de Catoca, realizada hoje, em Luanda, elegeu o angolano Benedito Paulo Manuel ao cargo de novo director-geral desta empresa diamantífera do País.

O novo director-geral sucede Sergei Amelin, russo de nacionalidade, que após três anos de mandato colocou o seu cargo à disposição esta semana (terça-feira), para assumir novos desafios.

O angolano Benedito Paulo Manuel, de 51 anos de idade, é funcionário sénior de Catoca, tendo ocupado cargos de chefe de sector de formação, de gabinete de programação e director geral adjunto para área social, respectivamente.

Mestre em estruturas metálicas, em Gestão na ISECK-Kharkov (Ucrânia) e Espanha respectivamente, o novo gestor torna-se no segundo angolano e o quarto dos directores a ocupar este cargo na quarta maior empresa diamantífera do mundo.

A 64ª Assembleia Geral de Catoca, que foi dirigida pelo presidente do Conselho de Administração da Endiama, Ganga Júnior, apreciou e aprovou a cabimentação do orçamento da empresa 2017/18, a facturação, os lucros, análise dos kimberlitos das concessões do Luaxe, Tchiuzo e o Cat-E 42.

Catoca, situada na província da Lunda Sul, é a quarta maior mina do mundo explorada a céu aberto.

A Sociedade Mineira de Catoca é uma Empresa angolana de prospecção, exploração, recuperação e comercialização de diamantes, constituída pela Endiama (Angola), Alrosa (Rússia), Lev Leviev International - LLI (China) e Odebrecht (Brasil).

Catoca é a maior empresa no subsector diamantífero em Angola, sendo responsável pela extracção de mais de 75% dos diamantes angolanos.

Além do kimberlito de Catoca que explora na Lunda Sul, a empresa tem participação maioritária em concessões como a do Luemba, Gango, Quitúbia, Luangue, Vulege, Tcháfua e Luaxe.

Last modified onSexta, 03 Agosto 2018 16:18
.
.
.
.
back to top

Recomendamos