Menu
RSS

Política da mentira & o seu fingimento quase artístico dos deputados do MPLA

Política da mentira & o seu fingimento quase artístico dos deputados do MPLA

Fartei-me de rir ao ler no (Novo Jornal) de que alguns deputados da bancada parlamentar do MPLA não estão satisfeitos com a nomeação da (Ango-Russa) Isabel Dos Santos como (dona de tudo) ou seja patroa da Sonangol.

Fernando Vumby | Fórum Livre Opinião & Justiça

Só podemos estar perante a montagem de mais uma nova peça teatral bem ao jeito habitual da política do fingimento dos camaradas quando o momento lhes aconselha vender-nos a ilusão de que estão sim de quando em vez autorizados a pensarem com as suas próprias cabeças.

Qualquer deputado da bancada parlamentar do MPLA sabe e tem consciência do quanto lhe pode custar a tomada de uma atitude que contrarie os objetivos estratégicos do JES assentes na política de não transparência, mentiras e fingimentos.

Por aquilo que conheço do MPLA, não acredito e ninguém me pode obrigar a acreditar, que algum deputado deste Partido de sua livre vontade sem que seja encomendado e treinado para nos vender ilusões tenha coragem de contrariar um JES todo poderoso, omnipotente, único, raro e tido como uma espécie de Deus por eles todos dado as facilidades que este dá para que cada um deles se sirva dos cofres públicos ao seu bel prazer.

Logo num momento como este em que está claramente bem visível as intenções de JES concentrar todo o poder de Angola nas mãos dos seus filhos haver deputados que o tentem contrariar?

Não vejo isto como uma atitude coberta de boas intenções, mas quem nos dera que fosse?

Importa dizer o seguinte; JES tem homens no parlamento bem treinados, preparados e mascarados de deputados com missão especifica que consiste em filtrar as intervenções, gestos e movimento corporal inclusive dos seus deputados e todos aqueles que tomam posições que o contrariem acabam por entrar para a lista dos próximos a serem cilindrados de forma tão perfeita que ninguém possa depois relacionar um acontecimento com o outro.

JES é um matreiro raro que sabe criar de forma quase fenomenal todos os cenários e figurinos da política da mentira e fingimento que orienta aos seus palhaços mascarados de deputados de uma assembleia claramente nascida de uma flagrante fraude eleitoral de que já parece pouco importar aos seus opositores falar dela, por uma gestão de habituados a lidar-se tão bem com as fraudes.

Com essa de ter havido deputados da bancada parlamentar do MPLA que bateram com os punhos a mesa, se de facto tal aconteceu, só nos resta confirmar a chegada ao palco de mais uma nova peça teatral que me parece até já começar a ser aplaudida com algum histerismo e entusiasmo por gente que acha piada a toda ilusão que é vendida ao povo angolano.

Ler também: Os deputados do MPLA zangados com a nomeação da Isabel dos Santos na Sonangol

 

Last modified onDomingo, 26 Junho 2016 17:52
..
..
back to top

Recomendamos