Menu
RSS

PGR constitui arguido altos funcionários do governo no Huambo

PGR constitui arguido altos funcionários do governo no Huambo

A Procuradoria-Geral da República (PGR) constituiu arguidos, ontem, três funcionários do Governo Provincial do Huambo por existirem indícios bastantes de que cometeram crime de peculato.

A PGR aplicou a João Sérgio Raul (antigo administrador municipal do Longonjo), Cláudio Sicato (funcionário sénior do departamento de Finanças) e Constantino de Jesus César (chefe de departamento de Administração, Património, Informática, Gestão de Orçamento e Transporte do Governo) a medida de coacção do termo de identidade e residência.

Os três estão proibidos de se ausentarem da província sem a autorização da PGR, instituição a que se deverão apresentar semanalmente, segundo fontes do jornal OPAÍS. Os interrogatórios, em separado, de João Sérgio Raul, Cláudio Sicato e Constantino de Jesus César começaram no período da manhã e terminaram perto das 20 horas.

Antes de ser “despachado” para o Longonjo, João Sérgio Raul exerceu o cargo de secretário-geral do Governo Provincial do Huambo, de 2010 a 2014, durante o consulado de Fernando Faustino Muteka. Já Constantino de Jesus César exerceu, no mesmo período, o cargo de chefe de departamento de Administração, Património, Informática, Gestão de Orçamento e Transporte do Governo.

No entanto, com a chegada de Kundy Paihama à antiga cidade de Nova Lisboa, como governador provincial, ambos foram exonerados dessas funções. Na altura, isto é, em Julho de 2014, João Sérgio Raúl foi nomeado administrador do município do Huambo.

A mesma sorte não teve Constantino de Jesus César, que não foi nomeado para exercer funções de relevo no aparelho do Estado. Em 2016 João Sérgio Raul foi transferido, por João Baptista Kussumua, nas vestes de governador, do município sede da província para exercer igual função, a de administrador, no município do Longonjo, acabando por ser reconduzido em 2017, depois das eleições.

No entanto, não resistiu à “arrumação” que Joana Lina, a primeira mulher a governar esta província, fez, movimentando alguns quadros com vista a conferir outro dinamismo à gestão pública ao nível local. João Sérgio Raúl acabou, assim, sendo substituído por Alfredo Domingos. OPAIS

Last modified onSábado, 20 Outubro 2018 23:45
.
..
.
.
back to top

Recomendamos